"Os que semeiam em lágrimas segarão com alegria. Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos."
Salmos 126:5 e 6

Vocês já conhecem aqui no BlogFpM o casal Felipe e Graciele que continuam em Guiné Bissau, mais uma benção em África, nesta oportunidade trazemos a Carta Informativa de Janeiro de 2016.

Sim, continuamos desejando que você, leitor, seja tocado por esta publicação e entenda que não podemos ficar apenas na admiração inerte, mas precisamos urgentemente agir indo pessoalmente, orando e se não pudermos ir, devemos agir financeiramente à favor daqueles que já estão lá.

E juntamente com os irmãos, Felipe e Graciele, queremos lembrar das palavras de Hudson Taylor sobre as provisões do Senhor: "A obra de Deus, feita segundo a vontade de Deus, jamais terá falta dos recursos de Deus".

Deus os abençoe!






Alguns Motivos de Oração:
• Vida espiritual e saúde do casal Felipe e Graciele;
• Pela vida dos pastores Luiz e Reinaldo e suas famílias;
• Que vidas sejam alcançadas através do filme de Jesus;
• Pelos projetos sociais e pela provisão do Senhor em cada um;
• Pelo irmão Kumsa e o crescimento da obra em sua aldeia;

Desafios financeiros:
• Aquisição de lote em aldeia conforme informado no material enviado (faltam ainda R$ 5.500,00);
• 30 mesinhas para escola, cada uma custa o equivalente a R$ 25,00 (total de R$ 750,00).

Contato: grazyfilipe@hotmail.com
Facebook: missaoafricaguinebissau
Site: www.wix.com/grazyfilipe/confinsdaterra

Para contribuir:
Banco Bradesco C/C Ag 1566 - Conta 0024992-0
Banco do Brasil C/C Ag 0177-5 - Conta 45-804-x
Felipe de Oliveira - CPF 098.021.606-01

Que DEUS abençoe á todos! A paz do senhor Jesus!

Atenciosamente: Miss. Felipe e Graciele.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - 

OBSERVAÇÃO:
Fogo para Missões não tem nenhuma ligação com os irmãos missionários Filipe e Graciele, porém compartilhamos suas cartas com o desejo de lhes ajudar em oração e divulgação de seus desafios no campo. Para ofertas, entre em contato diretamente com o casal, não temos participação financeira com o ministério destes irmãos, NÃO RECEBEMOS NENHUM VALOR EM NOME DE NENHUM MISSIONÁRIO, mesmo que publicados aqui!
"Orai sem cessar."
1 Tessalonicenses 5:17



MINISTÉRIO PORTAS ABERTAS
A Igreja Livre (a comunidade de cristãos que tem liberdade de culto) deve orar por nossos irmãos perseguidos! Servindo neste sentido, a Portas Abertas Brasil edita mensalmente o boletim “Vamos Orar”, encartado junto com a revista mensal e também disponível no site (clique aqui).

Algumas pessoas (entre elas alguns cristãos) ainda não entendem o poder e alcance da oração, não entendem que o levantar a voz para o Senhor já é, em si, um ato de ousadia, sendo nós pecadores. E apenas o podemos fazer EM NOME DE JESUS, pois foi Jesus quem abriu este acesso ao Deus Eterno com seu próprio sangue e ressurreição. 

Ore pela igreja perseguida, ou por um amigo próximo, interceda por sua família, e por famílias que você não conhece, mas que são, em Cristo, seus irmãos. Essa é a maior contribuição que você, como cristão, pode oferecer!

1 | SEG - BUTÃO (38º)
Mais de 700 cristãos passam por treinamentos de discipulado no Butão. Louvado seja Deus por isso! Ore para que os participantes consigam aplicar o que aprenderam pela força e sabedoria do Espírito Santo.

2 | TER SÍRIA (5º)
Ore pela liderança da igreja, que eles saibam que estão lá para um momento como este. Agradeça a Deus por todos os líderes que sentem o chamado de estar no país agora. Peça para que a Palavra de Deus penetre no coração das pessoas e que, por meio dela, os cristãos consigam reconstruir sua vida interiormente.

3 | QUA CHINA (33º)
Ore pela família do líder Timóteo, que morreu de câncer. Sempre foi um cristão corajoso e que se preocupava com os outros irmãos. Que Deus conforte sua família e que ela consiga seguir em frente com Jesus.

4 | QUI COREIA DO NORTE (1º)
Peça por alguns refugiados cristãos que foram presos na China há alguns anos, e outros presos na Coreia do Norte depois de serem repatriados. Dois deles conseguiram entrar em contato com membros da família e não veem a hora de voltar para casa.

5 | SEX MIANMAR (23º)
Ore pelos rohingyas, o povo mais perseguido do mundo de acordo com a rede de notícias BBC. O governo de Myanmar se recusa a aceitá-los como cidadãos e os afasta para paí- ses vizinhos como refugiados. Peça pelo crescimento espiritual dos poucos cristãos dessa tribo de maioria muçulmana.

6 | SÁB SRI LANKA
A perseguição no país acontece principalmente nos distritos do sul. Interceda pelos cristãos perseguidos nesses pontos de perseguição onde a influência do budismo é forte. Que eles consigam ser luz em meio à tamanha escuridão.

7 | DOM LAOS (29º)
Há 15 famílias cristãs na pequena vila de Lang no sul de Laos. Elas lidam diariamente com a aversão de seus colegas. As crianças das famílias são as mais afetadas. Ore para que elas possam se destacar e glorificar ao Senhor em seus estudos.

8 | SEG MALÁSIA (30º) 
A tensão racial neste país tem aumentado nos últimos meses devido a atos de racismo desenfreados. Ore para que o amor triunfe sobre o ódio e que quaisquer programas que promovem o racismo venham a falhar.

9 | TER BRASIL 
Neste Carnaval, ore para que os filhos de Deus sejam luz e sal na Terra. Ainda mais nestes dias em que o país está voltado intensamente para as coisas carnais. Que a identidade de filhos do Deus altíssimo esteja evidente nos cristãos e que possam ser testemunhas vivas do amor de Jesus.

10 | QUA COREIA DO NORTE (1º)
Interceda pelos colaboradores da Portas Abertas que percorrem longas distâncias e fazem viagens arriscadas para ajudar os cristãos norte-coreanos que procuram lugares seguros na China.

11 | QUI MALDIVAS (13º)
O número de cristãos nas Maldivas é baixo. Os líderes não têm nenhuma estrutura formal para discipulá-los corretamente. Peça para que Deus construa uma igreja forte, mesmo com tantas limitações.

12 | SEX EGITO (22º)
Ore por estabilidade política após as eleições parlamentares. Interceda para que os membros eleitos trabalhem adequadamente para colocar políticas que levem o Egito para uma fase promissora de uma mudança positiva para toda a nação.

13 | SÁB BRUNEI (25º)
Muitos jovens cristãos estão emigrando do Brunei, pois não conseguem ver um futuro para si, especialmente agora com a lei sharia em vigor. Caso eles continuem a sair, isso afetará seriamente a liderança da igreja. Interceda por isso.

14 | DOM COLÔMBIA (46º)
Ore pelos vários treinamentos pós-trauma que estão agendados para este ano. O objetivo desses treinamentos é equipar pastores e líderes para lidarem com situações delicadas de uma forma saudável.

15 | SEG MÉXICO (40º)
O México é um país marcado por muita violência. Ore pelos pastores e líderes que decidem lutar por justiça e retidão. Peça para que  as boas novas que eles pregam sejam ouvidas e mudem o coração de muitas pessoas.

16 | TER TUNÍSIA (32º)
Ore por Suliman. Depois de começar a crer em Cristo, ele perdeu sua esposa, o filho e a casa. A única coisa que ele quer é viver uma vida cristã e cuidar de sua família. Que Deus o fortaleça.

17 | QUA MALÁSIA (30º)
Mais de 50 mil malaios tomaram as ruas em 2015 para exigir reformas do governo. A manifestação pacífica pressiona por eleições limpas, bom governo e a renúncia do primeiro-ministro. Ore para que os líderes do país sejam sensíveis à voz do povo e tragam mudanças positivas.

18 | QUI SRI LANKA
Cristãos entre o povo cingalês predominantemente budista são poucos e os materiais bíblicos em seu idioma são dificilmente disponíveis. Ore para que mais Bíblias e materiais cristãos sejam traduzidos para o cingalês, a língua oficial do país.

19 | SEX LÍBANO
O Líbano é o país onde mais de um milhão de sírios encontraram refúgio, muitos deles cristãos. A situação no país é tensa, porque mais de um quarto da população é de refugiados. Interceda por esse país.

20 | SÁB BRUNEI (25º)
Em outubro passado, várias igrejas se reuniram para orar e jejuar pelos governantes e pela nação. Ore para que o Senhor comece a responder essas orações e traga mudança e transformação a essa nação com cerca de 430 mil pessoas.

21 | DOM IRAQUE (2º)
Muitos refugiados estão vivendo no norte do país em alojamentos temporários, há milhares de cristãos entre eles. Em algumas regiões, o Estado Islâmico ainda governa. Bombardeios fazem parte do cotidiano. Ore para que Deus tenha misericórdia dessas pessoas.

22 | SEG SÍRIA (5º)
Milhões de sírios estão refugiados. Por causa do conflito, o número continua subindo. Parece que não há solução para a guerra e a situação tem piorado conforme o clima fica mais frio. Sobrevivência, para muitos, é o único objetivo no momento. Ore por isso.

23 | TER LAOS (29º)
Em uma pequena vila, os cristãos se vestem como se fossem trabalhar aos domingos, mas na verdade vão à igreja. Fazem isso porque têm medo de serem presos. Ore pela proteção deles.

24 | QUA CHINA (33º)
Peça pelo irmão Yusuf, pois ele lidera uma igreja com 8 pessoas, mas ainda é receoso. “Depois de seguir Jesus por 15 anos, eu ainda sinto um grande medo e não sei se deveria continuar a liderar esse grupo”, diz ele. Interceda para que ele encontre forças no Senhor.

25 | QUI LÍBIA (10º)
O ano de 2015 marcou dois grandes incidentes em que o Estado Islâmico matou cristãos: 21 egípcios e 30 etíopes. Ore pelas famílias dessas vítimas que ainda estão de luto. Que elas encontrem motivação no Senhor para seguir em frente.

26 | SEX TERRITÓRIOS PALESTINOS (24º)
A pequena comunidade cristã em Gaza precisa de nossas orações. Ore para que sua fé permaneça forte naquele que é fiel, mesmo em circunstâncias difíceis. Que cada cristão se lembre e veja que Deus é com ele.

27 | SÁB FILIPINAS
A pobreza continua a ser uma grande preocupação para muitos cristãos de origem mulçumana em alguns locais do país. Suplique a Deus para que nossos irmãos continuem a confiar ao Senhor suas necessidades diárias.

28 | DOM IRÃ (9º)
A internet e transmissões de rádio e televisão por satélite estão oferecendo incentivo e recursos para cristãos e novos convertidos no Irã. Louve ao Senhor por essas bênçãos e continue intercedendo por eles.

29 | SEG TUNÍSIA (32º)
Saida começou a procurar a verdade nas Escrituras por conta própria. Ela descobriu recentemente que vários em sua família já são cristãos. Peça a Deus estratégia e direção para que ela consiga seguir o caminho da verdade e alcance mais vidas para o Reino.

* Nomes alterados por motivos de segurança.
** Os números entre parênteses representam a posição do país na Classificação da Perseguição Religiosa 2016.
--

Edinelson F. Lopes
www.fogoparamissoes.com

"Deleite-se no Senhor, e ele atenderá aos desejos do seu coração." 
Salmos 37:04


JUNTA DE MISSÕES MUNDIAIS
Todos os dias você encontra motivos que te levam a interceder pela obra missionária no mundo. São novas igrejas sendo plantadas, vidas sendo restauradas, obreiros precisando de apoio, enfim... várias ações que necessitam de cobertura espiritual. Ore e compartilhe os pedidos de oração da JMM (clique aqui).

A Junta de Missões Mundiais (JMM) é uma organização missionária da Convenção Batista Brasileira, com atuação em mais de 80 países. Criada em 1907, sua atuação consiste na expansão do trabalho missionário além das fronteiras do Brasil, no despertamento e preparo de vocacionados para missões, dentre muitas outras ações que contribuem para a proclamação do evangelho no mundo.

JANEIRO 2016

01/01: ITÁLIA – O Pr. João Caio Bottega pede oração pela igreja de Veneza, uma igreja histórica que precisa de um avivamento no serviço ao nosso Deus. O missionário tem o desejo de iniciar mais duas igrejas na região e, para isso, precisará de apoio humano e espiritual para estes desafios. Ore para que Deus abençoe esta iniciativa. Gn 1-3

02/01: ARGENTINA – Os missionários João Luiz e Cláudia Dutra pedem oração pelos grupos de estudos bíblicos com universitários e pelo treinamento de líderes que estão realizando, em especial pela vida daqueles que vão fazer parte da igreja a ser organizada. Gn 4-6

03/01: REFUGIADOS – Os refugiados são um desafio que requer prioridade em nossas ações. Eles são uma realidade e uma oportunidade que não podemos desperdiçar. Ore por eles, para que as ações realizadas por nossos missionários e voluntários tragam benefícios e lhes proporcionem deem a oportunidade de receber o amor e a graça de Jesus em suas vidas. Gn 7-9

04/01: REFUGIADOS – Louve a Deus pela equipe de médicos que fez um excelente trabalho entre os refugiados de um país fechado ao Evangelho. Através dessas ações, as pessoas estão recebendo bíblias, estudos bíblicos, orações e cuidado, que é a demonstração visível do amor de Deus. Alguns estão tomando a decisão de crer em Jesus. (Henrique de Araújo – Portugal) Gn 10-12

05/01: BOLÍVIA – Os missionários José Genário e Teremar estão com um grupo que está estudando sobre maturidade cristã. Neste grupo, há pessoas que, pela primeira vez, estão estudando a Bíblia. Peça a Deus para abrir a mente desses irmãos, para que compreendam a mensagem de Sua Palavra. (Andrea Menegatte – Escritório) Gn 13-15

06/01: GUINÉ-BISSAU – Louve a Deus pela vida dos 10 novos irmãos que testemunharam publicamente sua fé em Cristo em Bissau, através do batismo. Ore para que estes irmãos sejam “frutos permanentes”, e que nenhum deles se perca. Interceda também por seus familiares e conhecidos que presenciaram este momento, para que sejam impactados pela graça de Deus. (Boaz – Sudeste da Ásia; Liah Matos – Radical Ásia) Gn 16-18

07/01: BURKINA FASSO – Louve a Deus pelos 30 batismos realizados na aldeia de Nana e pelo avanço do Evangelho entre o povo marka. Um momento marcante foi o batismo de um jovem com deficiência física que estava muito feliz em professar sua fé. As religiões de feitiçaria e o islamismo consideram qualquer deficiência como maldição e vergonha, mas com Jesus, ela experimentou a inclusão, o amor e o acolhimento. (Gerson Tomaz – França; Maria Miúra – Japão; Thales Montes – São Tomé e Príncipe) Gn 19-21

08/01: SUDESTE DA ÁSIA – O missionário Jiaölian pede oração pela vida das 120 crianças que participaram de um acampamento onde foram ministradas atividades recreativas e evangelismo. Muitas dessas crianças não são cristãs e o resultado foi muito abençoador. Peça a Deus para que a mensagem ouvida encontre solo fértil em seus corações. (Edvaldo Marcolino – Moçambique) Gn 22-24

09/01: ÁFRICA DO SUL – Ore pela paz na África do Sul, pois a xenofobia (aversão em relação ao estrangeiro) voltou a aflorar no país. Muitos estrangeiros deixaram o país devido à onda de violência, alguns moçambicanos foram queimados vivos, carros foram queimados e muitos foram expulsos de suas casas. Gn 25-27

10/01: ESPANHA – Os missionários Leno e Raquel Franco pedem oração por seu desejo de abrir uma casa de acolhimento para mulheres em risco (prostitutas e mulheres sem moradia) e também pelos planos de começarem um trabalho com a terceira idade. Gn 28-30

11/01: POVOS NÃO ALCANÇADOS – Só no maior país da Ásia existem mais de 200 povos não alcançados, mais de 200 diferentes etnias que não conhecem ao Senhor. São povos que não têm a mínima ideia da história da redenção, de quem é o Senhor Jesus ou do que fala a Bíblia. Peça a Deus que envie obreiros para alcançá-los. (Sílvio Camilo – Mobilizador) Gn 31-33

12/01: SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE – O missionário Levi Godinho pede oração em favor dos estudantes do país. Muitos alunos, quando chegam à escola, começam a ter uma alergia no corpo e são impossibilitados de assistirem às aulas. Não se sabe a origem deste fenômeno, se é devido a algum fator externo ou espiritual. Ore por estes jovens e pelo fim deste fenômeno nas escolas públicas de São Tomé. Gn 34-36

13/01: TIMOR-LESTE – A missionária Lucimar Maria pede oração por seu desejo de implantar uma unidade do PEPE na cidade de Lospalos, onde o número de crianças é muito grande e seus pais querem que elas sejam alfabetizadas em português, por saberem das portas que se abrirão para elas no futuro. Gn 37-39

14/01: TIMOR-LESTE – As missionárias Lucimar Maria e Elizete Dias têm compartilhado a Palavra de Deus e também já estão com exemplares do Evangelho de Marcos para serem distribuídos entre o povo de Lospalos. O desafio é entregar 50 exemplares e, através deles, compartilhar a mensagem de salvação através das histórias e estudos bíblicos. Coloque esse desafio diante de Deus. (Ana Flávia Almeida – Mobilizador) Gn 40-42

15/01: ITÁLIA – A cidade de Bolonha é o local onde nossos missionários Luiz Cláudio e Denise Marteletto estão considerando iniciar um novo trabalho. Nesta cidade foi organizada a primeira igreja batista em solo italiano, mas hoje essa igreja já não existe. Coloque diante de Deus este grande desafio. (Stella Lopes – Canadá) Gn 43-45

16/01: SUDESTE DA ÁSIA – Nosso missionário Cheng Zhong louva a Deus pelas portas abertas para o desenvolvimento de seu ministério em seu país de atuação. Crentes locais têm ido ao seu encontro, desejosos de receber treinamento para, futuramente, desenvolver um trabalho semelhante ao seu. Ore pedindo que Deus o capacite para esse desafio. (Davi – Norte da África) Gn 46-48

17/01: GUINÉ EQUATORIAL – A escola de futebol coordenada por nosso missionário Marco Semião da Silva tem crescido, e muita gente tem se aproximado, o que lhe dá a oportunidade de testemunhar sobre o que Deus pode fazer na vida daqueles que se entregam totalmente a Ele. Ore por sabedoria na administração das oportunidades dadas por Deus e pela conversão dos jogadores e seus tutores. Gn 49-50

18/01: PERU – Os missionários Marcos Queiroz e Karina Dias pedem oração por todos os irmãos novos na fé e pelos vários discipulados que têm realizado, para que cada um seja firmado e possa testificar de sua fé em Deus. Ore também pelos projetos que Deus tem colocado em seu coração. (Cassiano Modesto – Radical África 11; Maaima Assaad – Oriente Médio; Joaquim Juvêncio – África do Sul) Ex 1-4

19/01: APRENDIZADO DA LÍNGUA – Continue em oração, pedindo a Deus por sabedoria e ânimo aos nossos missionários que estão na fase de aprendizado da língua, para que consigam vencer essa grande barreira. (Alline Rosendo – Burkina Fasso) Ex 5-7

20/01: PROJETOS MISSIONÁRIOS – Continue intercedendo pelos projetos missionários da JMM que levam Cristo a todo o mundo através da educação, saúde, esporte, artesanato, estética, etc. Peça a Deus por estratégias de evangelização, para que os missionários continuem alcançando muitos para Cristo. (Luis Cesar Queiroz – Chile; Ester – Norte da África; Abu Yuhana – Oriente Médio; Alya da Silva – Aposentada; Isabela Costa – Sudeste da Ásia) Ex 8-10

21/01: MISSÕES MUNDIAIS – Interceda por nossa JMM, pela vida do Pr. João Marcos, diretor executivo, por cada coordenador de campo e pela situação econômica de nosso país, que passa por um momento delicado. (Tatiana Macedo – Escritório; Timóteo – Filipinas) Ex 11-13

22/01: PAÍSES FECHADOS – Continue clamando pela proteção de Deus sobre a vida de nossos missionários que atuam em países fechados à pregação do Evangelho. Peça a Deus por sabedoria e estratégias para transmitir a Verdade aos perdidos e por ousadia de testemunhar de Cristo em meio a tanta perseguição. (Násser Mussa – Oriente Médio; Riedson Filho – Mobilizador) Ex 14-16

23/01: SAÚDE DOS MISSIONÁRIOS – Ore sempre em favor da saúde de nossos missionários, para que Deus cuide de cada um, dando-lhes livramento e cura. Peça também pela saúde de seus familiares no Brasil. (Hudson Sampaio – Radical África 11) Ex 17-19

24/01: ÁFRICA – Continue orando pela reabertura de dois países, no norte e centro da África, de onde tivemos que retirar nossos missionários, devido ao quadro de instabilidade nessas nações. Coloque diante de Deus a vida dos cristãos nacionais que ficaram nesses países, pedindo também para que permaneçam firmes na fé. (Diego Santana – Escritório) Ex 20-22

25/01: ESPANHA – Nossos missionários Marcos Vinícius e Sylvia Araújo pedem oração pelos pequenos grupos, em especial por um novo iniciado recentemente. Ore também pelos discípulos e por sua formação ministerial, para que resistam às provações. (Jacqueline Matos – Moçambique) Ex 23-25

26/01: MISSIONÁRIOS PARCEIROS – A JMM louva a Deus pela fidelidade de cada mantenedor e intercessor e pede que você se una a nós em oração para que continue abençoando a obra missionária mundial. Ore para que, mesmo em meio à crise econômica do país, Deus mantenha sempre o desejo de participar desta tão grande tarefa. (Juan Carlos Núñez – Chile; Priscila Godoi – Cuba; Juliana Mota – Burkina Fasso) Ex 26-28

27/01: SUL DA ÁSIA – Ore pela vida de um menino que chegou ao Lar da Paz com quatro anos de idade e só agora compartilhou que foi abusado por seu próprio tio antes de chegar à casa do projeto. Ore também por uma das adolescentes que tem sofrido de depressão, provavelmente em consequência da morte de sua irmã e muitos outros sofrimentos que já tem vivido. Ex 29-31

28/01: SUL DA ÁSIA – A missionária Estela Afonso pede que oremos pela salvação do povo indiano, por seus estudos para aprendizado da língua local, pela proteção de sua saúde e por sabedoria para realizar as boas obras do Senhor em seu campo de atuação. (Anderson Oliveira – Escritório; José Genário – Bolívia; Milton Sanches – Portugal) Ex 32-34

29/01: NORTE DA ÁFRICA – Apesar das tentativas de nossas missionárias Paula e Débora de Oliveira de iniciarem um estudo da Palavra, elas não têm conseguido que os estudos sejam constantes. A importância de conhecerem a Bíblia tem sido enfatizada, mas, infelizmente, o povo não tem dado a devida importância a esse conhecimento. Ore por esses irmãos na fé, para que tenham sede e fome da Palavra. Ex 35-37

30/01: PARAGUAI – A missionária Maria Rejane pede oração pela expansão do Reino de Deus no Paraguai e pelo despertamento de missionário autóctones. Ore também pela Escola Batista Meu Pastorzinho, para que nesse ano de 2016, os alunos e funcionários ouçam do amor de Jesus Cristo e sejam salvos. Ex 38-40

31/01: COLÔMBIA – Continue orando pela vida daqueles que estão sendo alcançados através do projeto Vida en la Calle, pedindo pela reabilitação e salvação de cada um e por sabedoria para cada missionário envolvido nesse trabalho. Lv 1-3

--

Edinelson F. Lopes
www.fogoparamissoes.com

Nota: Fogo para Missões é um ministério cristão, não pertencente à Igreja Batista ou Convenção Batista.
"Deleite-se no Senhor, e ele atenderá aos desejos do seu coração." 
Salmos 37:04


MINISTÉRIO PORTAS ABERTAS
Pensando em incentivar a Igreja Livre, ou seja, a comunidade de cristãos que tem liberdade de culto, a orar por nossos irmãos perseguidos, a Portas Abertas Brasil edita mensalmente o boletim “Vamos Orar”, encartado junto com a revista mensal e também disponível no site (clique aqui).

Entendemos que os cristãos que vivem sob perseguição enfrentam forte oposição espiritual e necessitam que a Igreja os cubra com suas orações. Essa é a maior contribuição que você, como cristão, pode oferecer!

JANEIRO 2016

1 | SEX Internacional
No Dia Mundial da Paz e início da Semana Universal de Oração ore ao Senhor por dias melhores e sem guerra. Que a paz que excede todo entendimento alcance todos os lados desses conflitos e que a luz de Cristo brilhe.

2 | SÁB Butão
Os butaneses praticam um tipo de budismo que se concentra fortemente em espíritos e divindades. Em essência, estão adorando demônios os quais eles acreditam trazer prosperidade. Essas crenças ainda são realizadas por novos cristãos lá. Em nome de Jesus, que essas fortalezas espirituais sejam quebradas.

3 | DOM Quirguistão
Ore por Batima (pseudônimo), uma jovem recém-convertida. Ela foi convidada para ir à casa de seus parentes, lá foi espancada por seus irmãos devido à sua fé. Mas, ela encontrou forças para escapar e está escondida e recebendo tratamento médico.

4 | SEG Cazaquistão
Oito cristãos foram detidos, acusados de envolver crianças em atividades religiosas ilegais. Eles supostamente organizaram um acampamento bíblico de verão para 127 crianças, sob o pretexto de cursos de inglês gratuitos.

5 | TER Filipinas
Ore pela Jane (pseudônimo), de origem muçulmana, que foi batizada no ano passado. Quando sua família soube que ela havia decidido seguir a Jesus, eles a levaram para fora da cidade. Peça para que Jane cresça na fé e amor do Senhor.

6 | QUA Turcomenistão (20º)
Ore pelos membros de uma igreja doméstica. Eles perceberam um veículo estranho estacionado perto de suas casas. Os líderes decidiram suspender as reuniões. Peça pela segurança deles, bem como a oportunidade de continuarem adorando ao Senhor.

7 | QUI China (29º)
No Dia da Liberdade de Culto, ore por Marlen, um líder cristão de origem mulçumana que está sob estreita supervisão por parte das autoridades. Uma câmera de vigilância foi instalada do lado de fora de sua casa.

8 | SEX Tajiquistão
Ore pelos cristãos do Tajiquistão que foram presos ao visitarem um orfanato, porque descobriram sua fé. Até os presentes das crianças foram confiscados. Peça para que eles não desistam diante as dificuldades.

9 | SÁB Mianmar
Uma equipe composta por mais de cinco grupos de rebeldes, opera sua base na fronteira entre a Índia e Mianmar. Eles têm assediado cristãos tribais na área. Ore para que os nossos irmãos permaneçam firmes em sua fé.

10 | DOM Sri Lanka
"Quando nós aceitamos Jesus, havia muitos problemas. Eles nos apedrejavam e lançavam bombinhas em direção à nossa casa. Mas nós não recuamos. Nós avançamos", afirma o pastor Dinesh. Ore para que os cristãos locais perseverem na fé.

11 | SEG Laos
Ore para que os cristãos do Laos guardem suas mentes contra falsos ensinamentos. Peça para que eles cresçam profundamente no amor e conhecimento da Palavra de Deus.

12 | TER Vietnã
Muitos pastores no Vietnã dizem que suas conversas estão sendo grampeadas pelo governo. Chuong (pseudônimo) compartilha: "Eu recebi um telefonema de um dos meus colegas dizendo que algumas Bíblias estavam prontas para serem entregues a mim. Alguns dias depois, militares ligaram: ‘você está recebendo Bíblias hoje, não está?’". Clame por eles.

13 | QUA Indonésia
A Indonésia terá eleições em todo o país em dezembro. No meio de uma política de dinheiro desenfreada, ore para que os candidatos cristãos mantenham sua integridade e brilhem a luz de Deus.

14| QUI Brunei
Peça para que os jovens tenham coração e visão no país. Embora eles sejam um grupo estratégico, muitos optam por sair e viver no exterior. Por essa razão, a comunidade cristã local diminui e enfraquece.

15 | SEX Brasil
Hoje, o ministério de viagens da Portas Abertas, Sem Fronteiras, completa 5 anos. Interceda pelas pessoas que aceitaram o desafio de conhecer de perto a Igreja Perseguida. Que o impacto dessas viagens possa render muitos frutos e muitas igrejas impactadas no Brasil.

16 | SÁB Tajiquistão
Ore pela segurança de Abdullah (pseudônimo), uma vez que sua informação pessoal foi entregue à polícia por uma boa ação que fez. Que ele encontre em Deus o conforto e a segurança de que precisa.

17 | DOM China
Peça para que mais missionários chineses sejam fortalecidos. Eles não costumam compartilhar recursos e entrar em parcerias, mas o irmão Ye criou uma plataforma para apoiá-los, fornecendo apoio espiritual e enviando novos recursos.

18 | SEG Filipinas
Ore pelos trabalhadores cristãos no Sul das Filipinas, conforme eles se aproximam e constroem relacionamentos com tribos de maioria muçulmana, a perseguição aumenta.

19 | TER Mianmar
Ore pelos sobreviventes das enchentes que assolaram Mianmar. Eles perderam suas casas, meios de subsistência e entes queridos. Ore para que eles procurem e encontrem refúgio no Senhor.

20 | QUA Butão
"O ministério é obra de Deus e não nossa", diz um pastor em um retiro. Apresente os líderes da igreja no Butão em oração, que eles continuem a ouvir a Deus e seguir o seu exemplo em suas famílias, igrejas e comunidades.

21 | QUI Coreia do Norte
Interceda por nossos cristãos secretos norte-coreanos que passam por dificuldade alimentar. Que o Senhor guie as entregas de alimentos a eles e envie provisão.

22 | SEX Maldivas
Ore por um cristão secreto que anseia por comunhão e fortalecimento. Ele não pode mais se reunir com seus discipuladores, e muitos cristãos foram exilados. Ele se sente só e isolado. Que sua sede de crescer seja saciada.

23 | SÁB Coreia do Norte
Ore pelas mulheres norte-coreanas sob cuidados da Portas Abertas. Uma ou duas vezes por mês elas se reúnem para adoração, comunhão e ensino. Ore por segurança, para que elas se tornem futuras líderes da igreja.

24 | DOM Mauritânia
Peça pela purificação da igreja da Mauritânia. Mais acusações e histórias de corrupção financeira vieram à tona, manchando ainda mais a reputação da igreja. Ore não apenas por justiça e responsabilidade, mas pela graça de Deus sobre os cristãos.

25 | SEG Tunísia
Ore por um cristão convertido recentemente que já tem oito discípulos. Que novas igrejas sejam plantadas e que cada uma delas faça discípulos, em breve. Que cresça uma igreja forte e edificada.

26 | TER Líbano
Suplique pelos desafios que os libaneses estão passando neste momento. As famílias estão ficando cada vez mais pobres em um país com menos oportunidades de emprego. Nossos irmãos necessitam do nosso clamor.

27 | QUA Iraque
Peça pelas muitas pessoas que só querem viver em paz e estão sendo jogadas umas contra os outras. Interceda para que elas encontrem a paz que excede todo entendimento, mesmo diante de um cenário tão caótico de guerra.

28 | QUI Síria
Ore para que a Palavra de Deus atue neste momento na Síria, especialmente entre as crianças e jovens. Que o ano letivo seja ininterrupto e que as crianças em idade escolar ganhem conhecimento de valor por meio de seus professores.

29 | SEX Líbia
Ore pelos novos cristãos libaneses como Asma, nascido em Cristo recentemente. Ele está sob imensa pressão de sua família. Peça também por Mohammed, ele aceitou Jesus após um contato com um cristão estrangeiro.

30 | SÁB Vietnã
"Os policiais não nos incomodam porque hoje temos um bom relacionamento. Antes, eles costumavam parar nossos cultos, mas agora está tudo bem", diz o pastor Lee (pseudônimo). Mas, a liberdade de culto não é vivida por todas as igrejas no Vietnã. Peça por isso.

31 | DOM Sri Lanka
A Portas Abertas iniciou 8 projetos de subsistência que beneficiaram 40 cristãos no Sri Lanka em 2015. Agradeça pela provisão para os 3 projetos de costura, 1 pequena cantina, 1 máquina de impressão e 1 fazenda de frangos.

--

Edinelson F. Lopes
www.fogoparamissoes.com
"Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. (...) Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos."
Efésios 6:12 e 18


Infelizmente não conseguimos realizar o calendário de oração 2016 para o projeto #TempodeOração, mas cremos que o Senhor está no controle de todas as coisas.

Desta forma, faremos algo diferente, porém inteiramente dentro do propósito de interceder por missões, vamos ajudar a engrossar as fileiras de guerreiros que já estão em oração através de iniciativas de outros ministérios atuantes e que vivenciam diariamente a experiência missionária em campo, começando por Portas Abertas e a Junta de Missões Mundiais.

Assim, se você entende e deseja hoje interceder por missões, por cristãos e por salvação, você encontrará aqui, os links para NECESSIDADES REAIS DE ORAÇÃO que já são compartilhados por estes ministérios em seus respectivos websites.

Faça isso, considere interceder por missões hoje!

ORAÇÕES DE JANEIRO - PORTAS ABERTAS
https://www.portasabertas.org.br/vo/

ORAÇÕES JANEIRO - JUNTA DE MISSÕES MUNDIAIS
http://missoesmundiais.com.br/diario-de-oracao/

Aproveite agora mesmo e apresente ao Senhor estas necessidades compartilhadas, poucos minutos que certamente farão grande diferença para as vidas destes irmãos, desconhecidos para nós, mas conhecidos de Deus, amados e chamados por Ele.

Estaremos também replicando aqui no BlogFpM os calendários mensalmente!

Em Cristo, paz!

Edinelson F. Lopes
www.fogoparamissoes.com
"Então me invocareis, e ireis, e orareis a mim, e eu vos ouvirei. E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração."
Jeremias 29:12 e 13


Se o sustento financeiro tem permitido o avanço da obra missionária, não menos importante é sustentá-la também em oração. Sem a intercessão, o trabalho missionário seria meramente humano. O povo de Deus precisa interceder pelos perdidos, pelos vocacionados e pelos missionários.

1. Oração de intercessão pelos perdidos
1.1. Interceder pelos perdidos é uma questão teológica
Por que precisamos orar por missões? Tanto o Antigo quanto o Novo Testamento apresentam os fundamentos da intercessão missionária.

1.1.1. Em reconhecer a degradação do gênero humano - Eis o ensinamento da Palavra de Deus: “Não há nenhum justo, nem um sequer; não há ninguém que entenda, ninguém que busque a Deus. Todos se desviaram , tornaram-se juntamente inúteis; não há ninguém que faça o bem, não há nem um sequer (...) pois todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus” (Romanos 3:10, 11 e 23).

1.1.2. Em reconhecer que o destino daqueles que morrem sem Cristo é o tormento eterno - “Os ímpios irão para o inferno, sim todas as nações que se esquecem de Deus” (Salmos 9:17). “Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e os seus anjos. E irão estes para o castigo eterno” (Mateus 25: 41 ao 46).

1.1.3. Em reconhecer que não há outro meio de salvação – “E em nenhum outro há salvação, pois também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos” (Atos 4:12). “Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, a verdade e a vida, ninguém vem ao Pai senão por mim” (João 14:06). “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé...” (Efésios 2:08).

1.1.4. Em reconhecer que a pregação do Evangelho é o método de Deus para que os homens sejam salvos – “A fé vem pela pregação e a pregação pela palavra de Cristo” (Romanos 10:17). Mas, “Como crerão, se não há quem pregue?” (Romanos 10:15). “Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura. Quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crer será condenado” (Marcos 16:15 e 16).

1.2. Interceder pelos perdidos é um ato de compaixão e demonstração de amor
1.2.1. A intercessão de Abraão pela por Sodoma - “Destruirás também o justo com o ímpio? Se porventura houver cinqüenta justos na cidade (...), quarenta e cinco (...), quarenta (...), trinta, (...) dez justos na cidade, destruirás e não pouparás o lugar por causa dos justos que ali estão?” (Gênesis 18:23 ao 33).

1.2.2. A intercessão de Moisés pelo povo idólatra - “Oh! este povo cometeu um grande pecado, fazendo para si deuses de ouro. Agora, pois, perdoa o seu pecado; ou se não, risca-me do teu livro que tens escrito” (Êxodo 32:31 e 32).

1.2.3. A intercessão de Paulo pelo seu povo - “Digo a verdade em Cristo, não minto, dando testemunho comigo a minha consciência no Espírito Santo, que tenho grande tristeza e incessante dor no meu coração. Porque eu mesmo desejaria ser separado de Cristo, por amor de meus irmãos, que são meus parentes segundo a carne. Irmãos, o bom desejo do meu coração e a minha súplica a Deus por Israel é para a sua salvação” (Romanos 9:01 ao 03; 10:01).

1.2.4. A intercessão de Jesus pelos seus perseguidores -“(...) E pelos transgressores intercedeu” (Isaías 53:12). “Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem” (Lucas 23:34). Jesus foi coerente com o seu ensinamento: “Amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem; para que vos torneis filhos do vosso Pai celeste” (Mateus 5:44, e 45).

1.3. Interceder pelos perdidos é um ministério
Deus tanto nos confiou o ministério da reconciliação (II Coríntios 5:18 ao 20) como o ministério da intercessão (I Timóteo 2:01 ao 08). Estes dois ministérios estão interligados entre si e se completam para a execução da obra missionária.

1.3.1. O ministério da reconciliação foi confiado aos reconciliados – “Tudo provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo, e nos deu o ministério da reconciliação” (II Coríntios 5:18).

1.3.2. O ministério da reconciliação consiste na obra de Deus em Cristo pelo mundo – “A saber, que Deus estava em Cristo, reconciliando consigo o mundo , não imputando aos homens as suas transgressões, e nos confiou a palavra da reconciliação” (II Coríntios 5:19). “Aquele que não conheceu pecado, ele o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus” (II Coríntios 5:21). “Porquanto há um só Deus e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem, o qual a si mesmo se deu em resgate por todos (...)” (I Timóteo 2:05 e 06).

1.3.3. Os que promovem o ministério da reconciliação são chamados de “embaixadores – “De sorte que somos embaixadores em nome de Cristo, como se Deus exortasse por nosso intermédio” (II Coríntios 5:20) . “Para isto fui designado pregador e apóstolo (afirmo a verdade, não minto), mestre dos gentios na fé e na verdade” (I Timóteo 2:07).

1.3.4. Os que exercem o ministério da reconciliação são cooperadores com Deus - “E nós, na qualidade de cooperadores de Deus, também vos exortamos que não recebais em vão a graça de Deus” (II Coríntios 6:01).

1.3.5. O ministério da intercessão deve ser ministrado em favor de todos os homens - “Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens” (I Timóteo 2:01).

1.3.6. O ministério da intercessão alegra o coração de Deus – “Isto é bom e aceitável diante de Deus nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade” (I Timóteo 2:03 e 04).

1.3.7. O ministério da reconciliação e o ministério da intercessão devem ser levados a sério - “Não dando nós nenhum motivo de escândalo em coisa alguma, para que o ministério não seja censurado” (II Coríntios 6:03). “Quero, portanto, que os varões orem em todo lugar, levantando mãos santas, sem ira e sem contenda” (I Timóteo 2:08).

1.3.8. O ministério de intercessão é voltado aos perdidos de duas formas:
1.3.8.1. Pelos perdidos que já estão sendo alcançados – São povos que gozam do privilégio de ter o testemunho cristão através do ministério das igrejas locais e das agências missionárias. Estes são os principais motivos de oração por eles: Por um despertamento espiritual e missionário das igrejas, para que elas sejam realmente sal da terra e luz do mundo. Que Deus faça cessar as ondas de escândalos que mancham a imagem do Evangelho. Por um espírito de santidade, unidade e sacrifício na vida dos crentes e dos pregadores das Boas-novas. Que Deus quebrante os corações endurecidos, que continuam resistindo à mensagem de salvação. Por aqueles que “fecham o reino dos céus diante dos homens; pois, não entram, nem deixam entrar os que estão entrando” (Mateus 23:13). Para que haja uma unidade de propósitos do povo de Deus, como diz o apóstolo Paulo: “Rogo-vos, irmãos, por nosso Senhor Jesus Cristo, e pelo amor do Espírito Santo, que luteis juntamente comigo nas vossas orações por mim a Deus, para que eu seja livre dos rebeldes da Judéia” (Romanos 15:30 e 31). “(...) a nós nos perseguiram, e não agradam a Deus, e são contrários a todos os homens, e nos impedem de falar aos gentios para que sejam salvos (...)” (I Tessalonicenses 2:14 ao 16).

1.3.8.2. Pelos perdidos que ainda não foram alcançados – Estes são os principais motivos de oração: Pela abertura de portas ainda fechadas para a pregação do Evangelho – que todo o cinturão de resistência seja quebrado pelo poder de Deus, em nome do Senhor Jesus. Para que estes povos possam buscar a Deus, como está escrito: “Para que o restante dos homens busque ao Senhor, sim, todos os gentios, sobre os quais o meu nome é invocado” (Atos 15:17). Para que Deus desperte vocacionados para trabalhar com esses povos, pois a seara é grande com tão poucos trabalhadores. Pelos missionários que estarão ministrando a estes povos, a fim de que tenham muita sabedoria, poder do espírito, amor sacrificial e perseverança. Pelos novos decididos e as igrejas plantadas entre os não-alcançados, para que tenham a paz e a proteção do Senhor (Atos 9:31). O apóstolo Paulo, entendendo que o Evangelho deveria ser pregado no mundo todo, tinha como prioridade, em seu ministério, alcançar os povos não evangelizados: “(...) De modo que desde Jerusalém e arredores, até a Ilíria, tenho divulgado o evangelho de Cristo; deste modo esforçando-me por anunciar o evangelho não onde Cristo houvera sido nomeado, para não edificar sobre fundamento alheio, antes, como está escrito: Aqueles a quem não foi anunciado, o verão; e os que não ouviram, o entenderão” (Romanos 15:19 ao 21). Cada igreja deveria adotar em oração um dos povos não-alcançados. Deus, certamente, através deste ministério da intercessão, haverá de preparar o coração daquele povo para ouvir o Evangelho; abrirá portas fechadas e levantará missionários para lhes levar a palavra de Deus.

1.4. A oração do justo pode muito em seus efeitos (Tiago 5:16)
Esta história aconteceu em Belarus (também conhecida como Bielo-Rússia) e fala sobre o ministério da intercessão. Lá pela década de 1930, um servo de Deus que estava morando em outro país e foi visitar a sua terra natal – Belarus. Ele gostaria muito de evangelizar o seu povo, mas como não estava com muito tempo , contratou um carroceiro para percorrer uma certa região e interceder a favor de cada aldeia. Dirigia-se à parte mais alta, onde pudesse ver a aldeia e, com as mãos estendidas, orava pelo respectivo lugarejo. O irmão carroceiro não estava crendo que aquele método iria dar resultado. Depois de ter passado e orado por várias localidades, o intercessor perguntou a ele se ainda havia outra aldeia da região por onde ainda não tinham passado. O nosso irmão carroceiro, por não crer naquela obra e pelo fato de todos estarem exaustos (inclusive seu cavalo), disse que não faltava mais nenhuma, porém mentiu, pois ainda tinha uma aldeia não alcançada através do seu ministério de intercessão. Eles então deram a tarefa por encerrada. Qual foi o resultado? Depois de algum tempo o Evangelho de Jesus começou a florescer em cada uma daquelas aldeias que tinham sido alvo das orações daquele servo de Deus; pessoas começaram a se converter e igrejas foram implantadas. Somente numa cidade isto não aconteceu: naquela que foi negligenciada pelo carroceiro. O ministério de oração é uma obra de fé, “pois sem fé é impossível agradar a Deus; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam” (Hebreus 11:06). Certa vez, os muçulmanos comentaram que foram as orações dos crentes que derrubaram o regime comunista na União Soviética. Eles tem razão: “As armas da nossa milícia não são carnais, mas poderosas em Deus, para demolição de fortalezas; derribando raciocínios e todo o baluarte que se ergue contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo pensamento à obediência a Cristo” (II Coríntios 10:04 e 05). São muitas as fortalezas a serem demolidas, inclusive a dos muçulmanos, e isto, segundo eles mesmos reconhecem, será feito através do ministério da intercessão.

2. Ministério de intercessão por vocacionados
Estamos com crise de vocacionados para missões, ou não? Para responder com exatidão a esta pergunta teríamos que fazer uma pesquisa nas igrejas, nos seminários e nas juntas missionárias. Provavelmente ficaríamos contentes com os números, mas decepcionados depois do processo de seleção, pois “muitos são chamados, mas poucos escolhidos” (Mateus 20:16). Se considerarmos ainda as famílias que acabam retornando dos campos por vários motivos - como a falta de adaptação, a insuficiência de sustento, dificuldades burocráticas para permanência no país, enfermidades, problemas pessoais etc. os que permanecem, no final das contas, é verdadeiramente um pequeno número. E esses poucos missionários acabam ficando sobrecarregados. Este é o caso, por exemplo, dos missionários das igrejas da CBB que estão no Leste Europeu. Somos somente três famílias para supervisionar o trabalho de cerca de 150 obreiros da terra espalhados por vários países. Quando alguém nos pergunta sobre a nossa maior necessidade, respondemos que é a falta de obreiros. “E percorria Jesus todas as cidades e aldeias, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino, e curando toda as doenças e enfermidades entre o povo. Vendo ele as multidões, tinha grande compaixão delas, porque andavam desgarradas e errantes, como ovelhas que não têm pastor” (Mateus 9:35 e 36). O perfil das multidões dos dias de hoje tem sido diferente daquele apontado por Jesus? O sentimento dele foi de compaixão, e o nosso, qual é? O Senhor disse que “na verdade a seara é grande, mas os trabalhadores são poucos” (Mateus 9:37). Porventura este verbo “ser” mudou de tempo? A seara deixou de ser grande e os trabalhadores agora são muitos? Temos atendido a este pedido de oração de Jesus? “Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a sua seara” (Mateus 9:38). Existe uma outra maneira mais eficiente de despertar vocações missionárias do que através do ministério da intercessão?

2.1. A igreja precisa consagrar os seus membros para a obra missionária
Foi em uma atmosfera de muita espiritualidade que Paulo e Barnabé foram enviados como missionários: “Enquanto eles ministravam perante o Senhor e jejuaram, disse o Espírito Santo: Separai-me a Barnabé e a Saulo para a obra que os tenho chamado. Então, depois que jejuaram, oraram e lhes impuseram as mãos, os despediram” (Atos 13:02 e 03). São igrejas que contribuem financeiramente e oram por missões, mas só que delas não estão saindo obreiros. Cada igreja precisa ser um celeiro de missionários. Uma pequena igreja do interior dos EUA começou a orar para que Deus levantasse do seu meio alguém para evangelizar o mundo, e este pedido de oração foi atendido quando Deus chamou um dos seus membros para levar a Palavra de Deus até os confins da terra. Seu nome? Billy Graham, reconhecido como o maior evangelista da era moderna. Assim como Isaías entendeu que a chamada do Senhor era para ele, e respondeu com prontidão “Eis-me aqui, envia-me a mim” (Isaías 6:08), a sua igreja deve personalizar o pedido de Jesus, orando assim: “Rogamos que tu, Senhor da seara, envie trabalhadores da nossa igreja para a tua seara. Eis-nos aqui, envia-nos a nós”.

2.2. Os pais precisam consagrar seus filhos para missões
Seguindo o exemplo de Ana: “(...) Eu sou aquela mulher que aqui esteve contigo, orando ao Senhor. Por este menino orava eu, e o Senhor atendeu a petição que eu lhe fiz. Por isso eu também o entreguei ao Senhor por todos os dias que viver, ao Senhor está entregue” (I Samuel 1:26 ao 28). Grigory é um dos nossos missionários da terra em Belarus (Bielo-Rússia). Ele é filho de pastor e quem ajudou a criá-lo foi uma cigana que era crente e o membro mais fervoroso da igreja. Na hora da sua morte ergueu as suas mãos para os céus, intercedeu pelos ciganos e pediu para que Deus usasse o Grigory (então com 12 anos de idade) para levar o Evangelho ao seu povo. Depois, deu um suspiro e morreu. O menino foi crescendo e esquecendo daquela oração. Depois de alguns anos recebeu a chamado do Senhor para ser um missionário, só que estava ministrando a Palavra do Senhor somente aos russos. Numa certa campanha evangelística, uma jovem senhora cigana, chamada Tamara, converteu-se. Quando Grigory começou a dar-lhe assistência espiritual, descobriu que ela era parente daquela irmã que há 20 anos tinha feita aquela oração. Tamara tem uns 500 parentes espalhados por aquela região, e quando ele começou a visitá-los e ficaram sabendo que ele fora criado por aquela irmã cigana, disseram-lhe o seguinte: “Se você foi criado por uma cigana, e que foi a nossa parente, mesmo sendo branco, você é um dos nossos”. Com isto sentiu a confirmação da sua chamada para evangelizar os ciganos e muitos têm se convertido através do seu ministério.

Se hoje estou vivo e sou um missionário, foi porque a minha mãe me entregou ao Senhor. Com três meses de vida estava internado em um hospital em Minas Gerais; o meu estado se agravou ao ponto do médico me desenganar e aconselhar a minha mãe que deveria ir para casa e preparar o caixão. Ela, porém, passou a noite toda em oração, e ajoelhada perante o Senhor, dizia: “Se for para ele se recuperar e ao crescer se desviar dos teus caminhos, vivendo uma vida dissoluta, é melhor que morra agora, pois ficarei conformada. Mas, se for para te servir e ser uma bênção em tuas mãos, então eu o consagro a ti, seja feita a tua vontade”. Para que jamais eu viesse a esquecer que existo para servi-lo, Deus permitiu que passasse por uma segunda experiência semelhante, desta vez, já com a idade de 14 para 15 anos, quando fui acometido por uma grave pneumonia. Internado em um hospital de Goiânia, fui considerado em estado terminal pelos médicos. Entretanto, pelas orações da minha família e de toda a Primeira Igreja Batista de Goiânia, Deus restaurou a minha saúde e confirmou a minha chamada para o ministério da palavra. Com base na Bíblia e na minha própria experiência, incentivo a você, pai, e a você, mãe, que intercedam pelos seus filhos, entregando-os ao Senhor para servi-lo.

3. O ministério de intercessão pelos missionários
3.1. Você pode lutar com os missionários através das suas orações
Rogo-vos, irmãos, por nosso Senhor Jesus Cristo, que luteis juntamente comigo nas vossas orações por mim a Deus”. (Romanos 15:30)

3.2. Você pode ajudar os missionários com as suas orações
Ajudando-nos também vós com orações por nós, para que, pela mercê que por muitas pessoas nos foi feita, por muitos também sejam dadas graças a nosso respeito, pelo benefício que nos foi concedido por meio de muitos”. (II Coríntios 1:11)

3.3. Alguns motivos de oração pelos missionários
• Por abertura de portas à pregação do Evangelho
Suplicai ao mesmo tempo, também por nós, para que o Deus nos abra porta à palavra (...)” (Colossenses 4:03)

• Para que haja sabedoria e ousadia na proclamação do Evangelho
Para que me seja dada a palavra, no abrir da minha boca, para com intrepidez, fazer conhecido o ministério do evangelho (...) para que nele eu tenha coragem para falar como devo falar.” (Efésios 6:19 e 20).

• Por livramento
Rogo-vos, irmãos , por nosso Senhor Jesus Cristo e pelo amor do Espírito, que luteis juntamente comigo nas vossas orações por mim a Deus, para que eu seja livre dos rebeldes que estão na Judéia” (Romanos 15:30 e 31). “Porque uma porta grande e eficaz se me abriu; e há muitos adversários” (I Coríntios 16:09). “Para que sejamos livres de homens perversos e maus; porque a fé não é de todos” (II Tessalonicenses 3:02).

• Por consolo nas provações
E a nossa esperança acerca de vós é firme, sabendo que, como sois participantes das aflições, assim o sereis também da consolação... ajudando-nos também vós com orações por nós.” (II Coríntios 1:07 e 11).

• Pelos projetos missionários
Pelo que também muitas vezes tenho sido impedido de ir ter convosco; mas agora, não tenho mais o que me detenha nestas regiões, e tenho já há muitos anos grande desejo de visitar-vos, eu o farei quando for a Espanha; pois espero ver-vos de passagem e por vós ser encaminhado para lá, depois de ter gozado um pouco da vossa companhia. Mas agora vou a Jerusalém para ministrar aos santos (...) tendo, pois, concluído isto, e havendo-lhes consignado este fruto de lá, passando por vós irei a Espanha e bem sei que, quando for visitar-vos, chegarei na plenitude da benção de Cristo. Rogo-vos, irmãos, por nosso Senhor Jesus Cristo e pelo amor do Espírito Santo, que luteis juntamente comigo nas vossas orações por mim a Deus” (Romanos 15:22 ao 25, 28 ao 30).

Veja quão desafiadores eram os projetos que Deus tinha colocado no coração de Paulo! E ele pede, com encarecimento, que os irmãos o apoiem em oração. Do mesmo modo cada igreja precisa adotar em oração os projetos dos seus missionários. Pela prosperidade da obra. Ore para que o missionário seja bem-sucedido em tudo que fizer, segundo a promessa do Senhor registrada em Salmos 1:03.

A maioria dos missionários trabalha em terrenos áridos; eles gostariam muito que a obra em seu campo estivesse se propagando assim com acontece na sua igreja aqui do Brasil. Isto é possível através do ministério da oração. “Irmãos, orai por nós, para que a palavra do Senhor se propague e seja glorificada, como também o é entre vós” (II Tessalonicenses 3:01). Pela família do missionário. Quantas famílias de missionários têm voltado dos campos por causa de problemas familiares. Se a família não estiver bem, o ministério também não estará. Por isso, a Palavra de Deus recomenda que o obreiro “governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com todo o respeito (pois, se alguém não sabe governar a sua própria casa, como cuidará da igreja de Deus?” (I Timóteo 3:04 e 05). Ouvi de um pastor amigo o seguinte testemunho. Para ser coerente com a Palavra de Deus, no início do seu ministério fez ele um voto a Deus, que se um dos seus filhos se afastasse do evangelho, ele abandonaria o ministério. Hoje, os seus filhos já crescidos, causam grande alegria ao seu coração, pois permanecem firmes no caminho do Senhor e muito ativos na vida da igreja. Deus é fiel!

3.4. Motivos de oração pelas famílias dos missionários
3.4.1. Harmonia – Sem sombra de dúvida, a causa de Cristo em muito sofrerá se houver desarmonia nos três níveis familiares: entre os cônjuges, entre os pais e filhos e entre os irmãos. O ministério será muito mais difícil se não houver aquela união de que fala o apóstolo Paulo: “Para que tenhais o mesmo modo de pensar, tendo o mesmo amor, o mesmo ânimo, pensando a mesma coisa” (Filipenses 2:01 ao 05). Sabendo que Satanás procura desajustar a família dos pastores e missionários para destruir a obra de Deus, intensifiquem as suas orações por eles.

3.4.2. Adaptação ao campo – Se não acontecer uma boa adaptação, talvez a família missionária não conseguirá resistir às pressões e dificuldades do campo e acabará voltando. Que os missionários amem o povo a quem estão servindo e possam declarar como Rute: “O teu povo será o meu povo” (Rute 1:16). E Boaz a elogiou dizendo: “Bem me contou tudo quanto tens feito para com a tua sogra depois da morte do teu marido; como deixaste a teu pai e a tua mãe e a terra onde nasceste, e vieste para um povo que dantes não conhecias. O Senhor recompense o que fizeste, e te seja concedido pleno galardão da parte do Senhor de Israel, sob cujas asas vieste abrigar” (Rute 2:11). Que estas palavras sejam aplicadas a cada família dos missionários que deixam o seu povo e a sua pátria para servir a Deus em uma terra estranha. Ao orarmos por esta adaptação no campo, precisamos também pedir ao Senhor que os ajude na abertura e renovação dos seus vistos de permanência no respectivo país, que na maioria das vezes é uma situação muito complicada.

3.4.3. Necessidades materiais – A maioria das pessoas passa por dificuldades materiais. Os missionários não são diferentes. Sendo que eles estão distante das suas igrejas e dos seus familiares. Temos que interceder para que vivam dignamente dentro do seu orçamento. Temos que pedir a Deus que afaste toda a ansiedade dos seus corações e supra todas as suas necessidades. É preciso orar para que as igrejas, em parceria com as juntas missionárias, sustentem condignamente seus pastores e missionários: “Devem ser considerados de dobrados honorários os presbíteros que presidem bem, com especialidade os que se afadigam na palavra e no ensino. Pois a Escritura declara: Não amordaces o boi, quando pisa o grão. E ainda: O trabalhador é digno do seu salário”(I Timóteio 5:17 e 18).

3.4.4. Saúde – Se nós, na Romênia, onde temos bons médicos, oramos a Deus para não ficarmos doentes, por causa dos altos custos de tratamento, que poderíamos dizer daqueles missionários que trabalham em países onde o sistema de saúde não oferece as mínimas condições? Muitos dos nossos obreiros estão expostos à radioatividade, a malária, a epidemias diversas e a tanta pestilência. Sabendo que os nossos missionários estão no campo de batalha, e sendo alvos de tantas enfermidades, que podem impor sérias restrições à obra, cabe a você sustentá-los com as suas orações, pois “a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará” (Tiago 5:15).

3.4.5. Educação escolar dos filhos – Este foi um problema que tivemos que enfrentar quando chegamos ao campo. Pelo fato de o Governo romeno não oferecer estudo gratuito para estrangeiros, tivemos que matricular nossos filhos numa escola particular fundada por missionários que estavam na mesma situação. Isto, evidentemente, implicou em encargos financeiros para a família.

Outro problema que surge é quando os filhos terminam o segundo grau e precisam deixar a casa dos pais para estudarem fora. Em 2004 era a vez do autor deste texto chorar pela partida da nossa filha Claryssa. Ela viria a fazer muita falta, e o que mais preocupava seus pais era o futuro de sua filha. Eles oravam para que Deus lhe abrisse todas as portas de uma universidade e suprisse todas as suas necessidades.

São muitos os missionários que se encontram em situações semelhantes com relação aos filhos. Ajude-os em oração!

Conclusão
O Senhor deseja que cada igreja desenvolva o seu ministério de intercessão pela obra missionária, pois “é bom e agradável diante de Deus, nosso Salvador” (I Timóteo 2:03).

Que você participe deste ministério Samuel disse: “Longe de mim esteja o pecar contra o Senhor, deixando de orar por vós” (I Samuel 12:23). Está escrito no livro do profeta Isaías que o Senhor “maravilhou-se de que não houvesse intercessor” (Isaías 59:16). Será que Ele ainda continuará admirado em nossos dias pela falta de intercessores?

Que o divino intercessor possa despertar o seu povo para o ministério da intercessão. “Jesus tem o seu sacerdócio imutável. Por isso também pode salvar totalmente os que por ele chegam a Deus, vivendo sempre para interceder por eles” (Hebreus 7:25).

Baseado no texto original de Gerson Tomaz Pereira.

Observação: Não encontremos nenhuma informação sobre o Missionário Gerson Tomaz Pereira em redes sociais, não sabemos em qual nação ele estava servindo ao Senhor, nenhuma informação, mas oramos para que tanto ele quanto sua família, sua filha Claryssa estejam bem, no Senhor.

Fogo para Missões
"Vinde, cantemos ao SENHOR; jubilemos à rocha da nossa salvação."
Salmos 95:01


A mensagem da esperança através do nascimento de Jesus será contada em música em Portugal neste Natal. No sul do país, onde nossos missionários Henrique e Juliana de Araujo, que também possuem formação musical, estão sendo voz de Deus, já começaram os ensaios na igreja na cidade de Portimão e também no Faro.

Além disso, a atuação de Henrique no cenário musical português está abrindo portas para que o Evangelho seja anu

nciado em vários locais de concertos na região. A cantata de Natal será inclusive no Teatro Municipal de Portimão.

O ano letivo no Conservatório de Portimão e na Academia de Música de Lagos iniciou suas atividades há pouco tempo, e para comemorar o Dia Mundial da Música, Henrique foi convidado para reger o concerto, que aconteceu no Teatro Municipal de Portimão, onde graças a Deus faremos nossas apresentações de Natal”, conta a missionária Juliana de Araujo.

Nessa apresentação, Henrique preparou um arranjo de um fado bem conhecido em Portugal, “Canção do Mar”, que acabou sendo escolhida para fechar o concerto naquela noite.

O maestro João Cunha, que tem sido o homem de paz que Deus preparou para nós aqui no Algarve, pediu ao Henrique que desse algumas palavras no final e que convidasse o público para o Natal”, relata Juliana. “Foi uma excelente oportunidade para convidarmos mais de 200 pessoas para ouvirem sobre o amor do nosso Deus”, conta.

Após o concerto, uma jovem cantora de fado se interessou em participar do musical de Natal em Portimão. O casal missionário também convidou uma vizinha e a esposa do maestro João Cunha, que já cantou em coro há algum tempo.

Temos orado e pedimos a você que se junte a nós em oração por essas vidas, para que, ao participarem, sejam tocadas com a mensagem que o real significado do Natal cristão, cuja estrela é o nosso Salvador”, pede o missionário Henrique.

Quanto ao ensino da Palavra, o casal deu início a um discipulado individualizado com jovens.

Além de fortalecer a fé, o objetivo é prepará-los para que estejam prontos para dar razão da sua esperança no contexto em que estão inseridos, onde encontram hostilidade e preconceito, bem como para que possam se tornar futuros discipuladores e evangelistas”, afirma Henrique.

Os missionários finalizam pedindo oração pela ida de ministros de música e músicos brasileiros cristãos a Portugal em janeiro de 2016.

É o projeto Músicos em Missões. Esse grupo terá um papel importantíssimo em nossas duas grandes áreas de atuação aqui em Portugal: capacitação das igrejas e testemunho público na sociedade através da música. Pela graça de Deus será realizado o primeiro encontro de músicos batistas de Portugal com a presença dos brasileiros, além de ser realizado aqui em Portimão um concerto em parceria com a orquestra do conservatório”, conclui Henrique.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - 
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - 


Fogo para Missões
"E a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados. Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos."
Tiago 5.15 e 16


Na Bíblia, o apóstolo Tiago nos ensina no versículo acima esta verdade espiritual, e nós, praticamos e cremos no poder da oração.

Muitos cristãos que vivem sob perseguição relatam ao Ministério Portas Abertas que as orações têm sido o sustento que os faz permanecer firmes mesmo em meio a tão forte tribulação, pois Deus os têm consolado, socorrido, abençoado, protegido e confortado em diversos momentos críticos. São relatos marcantes da fidelidade do Senhor em estar com seus filhos durante todo o tempo.

Assista ao vídeo de um dos testemunhos mais marcantes da Portas Abertas sobre o poder da oração:


VAMOS ORAR

Pensando em incentivar a Igreja Livre, ou seja, a comunidade de cristãos que tem liberdade de culto, a orar por nossos irmãos perseguidos, a Portas Abertas Brasil edita mensalmente o boletim “Vamos Orar”, encartado junto com a revista mensal e também disponível no site (clique aqui para ver os pedidos do mês corrente).

Paulo nos lembra em Efésios 6 que “a nossa luta não é contra pessoas, mas contra os poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais” (v.8), e “tendo isso em mente”, a Portas Abertasestá atenta e perseverando na oração por todos os santos” (v.12).

Entendemos que os cristãos que vivem sob perseguição enfrentam forte oposição espiritual e necessitam que a Igreja os cubra com suas orações. Essa é a maior contribuição que você, como cristão, pode oferecer!

FOGO PARA MISSÕES

Estaremos em 2016 retomando o projeto #TempodeOração, com o qual desejamos fazer parte de um clamor por avivamento missionário no Brasil e no mundo. Juntamente com este projeto, voltamos as publicações aqui no BlogFpM, alinhados ainda mais com nosso objetivo que é o de despertar e incentivar a todos que entrar em contato conosco a se envolver com a obra missionária.

O Senhor nosso Deus tem um plano, e se chama SALVAÇÃO.

"Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens; pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade; porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade. Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem."
I Timóteo 2:01 ao 05

Texto original: Portas Abertas

Fogo para Missões
"E, quanto a mim, longe de mim que eu peque contra o SENHOR, deixando de orar por vós; antes, vos ensinarei o caminho  bom e direito"
I Samuel 12:23


Note que Samuel considera como sendo pecado o não orar por aqueles que pedem oração. Orar por alguém, neste caso pelos irmãos nigerianos e por todo o povo da Nigéria, é mais do que pedir para de Deus tenha misericórdia, é sofrer como se estivesse sendo perseguido com a pessoa por quem você está orando.

---

Em um ataque realizado no estado de Yobe, no norte da Nigéria, cerca de 15 pessoas foram assassinadas, sendo, pelo menos, 130 delas cristãs, segundo fontes da própria igreja

Centenas de pessoas ainda estão desaparecidas e a destruição durante o ataque incluiu cerca de 10 edifícios de igrejas da região.

Mais de 200 pessoas do grupo extremista islâmico Boko Haram que atacaram a capital do Estado de Yobe, em Damaturu, às 5 horas da tarde do dia 4 de novembro e logo, os terroristas haviam bloqueado todas as quatro principais rodovias que levam à cidade.

Os líderes cristãos em Damaturu disseram ao Compass que das 150 vítimas registradas no ataques, mais de 130 eram cristãos. Quando os extremistas muçulmanos chegaram a cidade, qualquer  cristão que não conseguisse recitar o credo islâmico era baleado imediatamente e morto instantaneamente.

Quando os extremistas no atacaram aqui no dia 4 de novembro, foi como o fim de tudo para os cristãos. Nossas casas foram alvejadas indiscriminadamente. Eu e minha família nos trancamos em casa”, disse Rev. Idris Garba, presidente da Associação Cristã da Nigéria (CAN) no estado de Yobe.

Garba, que também é um dos pastores da Igreja Boa Nova na região de Damaturu, disse que sua igreja diminuiu cerca de 500 membros depois dos ataques: “Nós podíamos ter mais do que 100 membros na igreja após o ataque. A maioria dos membros está se escondendo com medo ou deixaram a cidade".

Garba que tem o ministério pastoral desde 1993 e tem servido como pastor da igreja há dois anos disse que os cristãos foram mortos na frente do templo de sua igreja no dia antes de ela ser bombardeada.

Fonte: Portas Abertas 

---


Pense um pouco, como estaria o seu coração se você estivesse vivendo estas coisas diante de seus olhos, a perda, o medo, a dor, a fé. Pensou? Então agora você tem muito o que conversar com o Senhor sobre os amados irmãos nigerianos!

Fogo para Missões