#119 - DO BOM PASTOR, A BOA PALAVRA, O PRAZEROSO PASTO VERDEJANTE QUE ALIMENTE E DÁ PRAZER

"A revelação das suas palavras esclarece, e dá entendimento aos simples."
Salmos 119:130


Escrevi sobre o Bom Pastor e seu amor por sua ovelha, e alguém me disse que hoje em dia muitos "pastores" não buscam suas ovelhas, na verdade sempre foi assim, a instituição que se afirmou como igreja no passado buscava apenas seus interesses, vendendo indulgências e confiscando bens como se Jesus, O Pastor, nunca fosse voltar, sempre existiram os falsos mestres, como falsos adoradores também (João 4:24).

Por isso também o Apóstolo Paulo fala em Hebreus 12:02 que devemos "olhar para Jesus, autor e consumador de nossa fé".

A primeira verdade que entendo é que existem sim bons líderes, e que devemos honrá-los e respeitá-los, pois estes homens são aqueles a quem o SENHOR instituiu sobre nós cuidadosamente (Hebreus 13:17), como o próprio Apóstolo Paulo foi exemplo e benção para a vida de Timóteo e para nós. A segunda verdade é esta, que devemos olhar para Cristo, examinar as Escrituras diariamente (Atos 17:11) e conhecer e prosseguir em conhecer ao SENHOR (Oséias 6:03), para que desta forma não sejamos destruídos sendo mal conduzidos por falsos sacerdotes (Oséias 4:06), e estaremos aptos para, pela Palavra (que é espada do Espírito), combatermos o bom combate, acabarmos a carreira e guardarmos a fé (II Timóteo 4:07).

Lamentavelmente ainda veremos muitos destes "líderes" vendendo suas palavras e modernas indulgências, alguns escândalos ainda ouviremos falar, lamentaremos profundamente porque estes não entram no Reino dos céus e ainda impedem a entrada daqueles que gostariam de entrar (Mateus 23:13), contudo não precisamos nos alarmar, os escândalos são inevitáveis e embora seja eternamente lamentável para aqueles que protagonizam estas vergonhas (Mateus 18:07), nosso único esforço e trabalho, e temos muito à fazer, deve ser o de não sermos contados entre os mortos.

Árdua e perseverantemente, devemos estar preparados para por à prova, pelas Escrituras somente (Sola Scriptura), os que se dizem apóstolos e não são (Apocalipse 2:02), sem contudo, abandonarmos o amor, o primeiro amor (v.04). Sabemos que sem amor nossas palavras são como um sino que apenas faz barulho, nada mais (I Coríntios 13:01). Abandonar o primeiro amor é ter letra sem intimidade, é preferir quantidade à qualidade, abandonar o primeiro amor , o Cristo, é tornar-se religioso e não filho.

É verdade que ficará ainda mais estreito pouco antes de sermos recebidos pelo Rei da Glória, de fato existirão ainda muitas batalhas, mas temos a certeza de que somos plenamente treinados para qualquer uma delas (Salmos 144:01), temos a convicção de que somos plenamente equipados para vencermos todas as coisas nos dias maus, e permanecermos inabaláveis (Efésios 6:13), temos em Cristo, a certeza de olharmos para trás e notarmos que nossa leve e momentânea tribulação não pode se comparar com o peso da glória que está sendo produzida para nós no Reino (II Coríntios 4:17) e fazemos tudo isso em Amor, no primeiro amor, e por amor aos que ainda nascerão de Deus para a vida eterna.

Precisamos ser santos não apenas para que nós O vejamos (Hebreus 12:14), mas principalmente para que outros possam vê-Lo, em nós, e em Sua glória, pois aquele que prometeu é fiel para cumprir zelosamente cada uma de Suas palavras (Isaías 55:11) e Ele virá, Jesus voltará como combinado e nos levará para Casa (João 14:03), enquanto isso caminhamos, corremos, voamos  para Cristo (Isaías 40:31), nosso Bom Pastor, o autor e consumador da nossa fé, pois "ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal algum, pois sua vara e seu cajado me consolam".

Uhuuuuu... a palavra de Deus é linda!

Texto de Edinelson F. Lopes, Coordenador de Evangelismo do projeto Fogo para Missões.
Ao SENHOR toda a glória!


Fogo para Missões

0 comentários:

Postar um comentário

Você está no BlogFpM, blog oficial do ministério Fogo para Missões.

Você pode também nos acompanhar no facebook.com/fogoparamissoes, onde você poderá curtir, seguir, reagir às publicações, compartilhar, comentar, pode até deixar aquele seu "amém", mas acima de tudo, queremos que você se sinta incentivado, encorajado e provocado a envolver-se pessoalmente na proclamação do Evangelho, das Boas Novas de Jesus Cristo.

Seu comentário é importante para que possamos avaliar o alcance de nossa proposta. Se você possui site, blog ou twitter, deixe seu link para que o visitemos também! Se desejar, nos acompanhe também pelo twitter.com/fogoparamissoes.

TODOS OS COMENTÁRIOS SERÃO PUBLICADOS APÓS MODERAÇÃO.