“Porque nada me propus saber entre vós, senão a Jesus Cristo, e este crucificado”
1 Coríntios 2:02



O verdadeiro Cristão recém-convertido ama o seu Salvador Jesus Cristo de tal maneira que quer tanto agradá-lO quanto declará-lO aos outros. Aquele que trouxe-lhe a paz, a vida e a esperança é o tema da sua vida. Logo após a conversão, este novo Cristão compadece dos seus ente queridos que não conhecem tal livramento dos temores das trevas. O seu amor por estes provoca-o a fazer o necessário para que estes conhecessem também as bênçãos de serem perdoados, em paz com Deus e que cantassem junto o novo cântico dos remidos.

Mas ele logo se depara com esta realidade: os que ele ama rejeitam a mensagem bendita do Evangelho. Não demora muito e este começa a criticar, não o Salvador, mas a si mesmo. Ele critica a sua capacidade de falar de Cristo de maneira bem-sucedida. Mas facilmente ele não se rende. Ele tenta várias maneiras de persuadir os que intimamente deseja que sejam salvos. Porém, quando estas maneiras falham, ele anuncia uma trégua e pensa que é melhor que os veteranos fazem o que ele não consegue. Ele raciocina dizendo a si mesmo: No final das contas são os pastores, os diáconos, os mais velhos na fé e os missionários que têm mais incumbência de fazer isso.

Todavia, a verdade bíblica diz que o verdadeiro Cristão que é membro de uma igreja neotestamentária tem a mesma responsabilidade do pastor de pregar Cristo a toda criatura. Todos os membros destas igrejas neotestamentárias são comissionados a fazer discípulos de todas as nações e ver que estes sejam encaminhados à manifestação Bíblica da sua fé, o batismo, e venham a ser fieis na aprendizagem de tudo que Cristo ensinou (Mateus 28:19 e 20; Marcos 16:15).

Mas como ele deve proceder, vendo que não está tendo os resultados desejados? O Evangelista pensa consigo mesmo: “Não é a mensagem que tem de ser mudada (parabéns!), então deve ser o mensageiro que está com defeito”. Este zeloso e verdadeiro Cristão se regozijará em saber que enquanto ele está pregando a Cristo, não é ele nem a mensagem que está com defeito. O problema é outro.

O Problema
O homem não salvo é o problema. Sua mente, seu coração e sua vontade não levam o pecador a entender, desejar ou escolher o que ele precisa para ser salvo.

Sua mente, sua consciência e o seu entendimento estão contaminados (Tito 1:15, “Todas as coisas são puras para os puros, mas nada é puro para os contaminados e infiéis; antes o seu entendimento e consciência estão contaminados”). Estes andam segundo as vaidades das suas mentes contaminadas e são ignorantes que têm entendimentos entenebrecidos (Efésios 4:17 ao 19). Nascem pecadores e revelam este fato no insistir a não buscarem a Luz do evangelho (João 3:19, “E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más”). Não percebem a Verdade, pois o deus deste mundo cegou os seus entendimentos, “para que a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus” não resplandeça neles (2 Coríntios 4:03 e 04). Por isso a mensagem do evangelho, em toda a sua pureza, poder e glória, é loucura e escândalo para estes (1 Coríntios 1:18 ao 23). Não é o mensageiro, nem a própria mensagem do evangelho que é o problema, e, portanto não deve ficar desanimado o mensageiro, nem mudar a mensagem do evangelho.

O problema na mente do pecador consiste em não poder discernir as coisas espirituais (1 Coríntios 2:14). Mesmo sendo o pecador responsável para arrepender-se e crer em Cristo Jesus, a sua mente entenebrecida não percebe o porquê que se deve arrepender-se e crer (Romanos 8:07 e 08). Para ele, tudo está bem entre ele e Deus. Ele raciocina: Afinal, eu não matei ninguém, etc. Por que Deus não vai aceitar-me? Sem ter sua mente iluminada, nunca vai poder entender a sua situação verdadeira diante um Deus santo. Verdadeiramente, se não nascer de novo, não pode ver o Reino de Deus (João 3:05 ao 08).

Seu coração é parte do problema, pois é enganoso (Jeremias 17:09). Isso é um grande obstáculo para o pecador atender a chamada do evangelho ao arrependimento e a fé em Jesus Cristo. Como nos dias de Noé, ainda hoje o coração do homem naturalmente faz a vontade do diabo (Gênesis 6:05; João 8:44). Se for o coração o problema com a percepção da Verdade, o problema não é do pregador da justiça nem está a falha na pregação da Verdade.

Sua vontade é um problema também. A vontade do homem manifesta o que está no seu coração. Por ter um coração enganoso, a vontade, serva deste coração, escolhe somente a concupiscência dos olhos, a concupiscência da carne e a soberba da vida (1 João 2:16; Mateus 15:18 ao 20; Tito 3:03). Se pode conhecer uma arvore pelos seus frutos, também se pode conhecer o coração do homem pela sua vontade (Mateus 7:16 ao 18). O pecador não pode escolher o evangelho, mesmo se os termos são explicados de uma forma mais simples, por que o coração, como a sua carne, é contra Deus como inimigo (Romanos 8:05 e 08).

Somente mudando o teor principal do evangelho, eliminando a necessidade de arrepender-se e de abandonar o pecado, e não exigindo mais a confiança total na substituição de Jesus Cristo pelo pecador, pode o homem natural ouvir com interesse o evangelista traidor. Oferecer religião no lugar do arrependimento, e obras no lugar da graça, pode o pecador interessar no que um “evangelista” tem a dizer. Pelo homem natural ser do pai da mentira (João 8:44, “Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira”), somente mudando o evangelho pela uma falsa mensagem, pode o homem natural a aceitar. Mas, para o evangelista fiel, modificar a mensagem não é opção correta.

A mente entenebrecida, o coração enganoso, e a vontade presa ao desejo deste coração, descrevem o problema atual do pecador. Não é o mensageiro, nem a própria mensagem do evangelho que é o problema, e, portanto não deve ficar desanimado o mensageiro, nem modificar a mensagem do evangelho.

O Deus Poderoso
Jesus, para ensinar que o problema está no homem e não na mensagem ou mensageiro, usou o maior animal da Palestina junto com o menor objeto bem conhecido ao povo. Jesus ensinou que é mais fácil o camelo passar pelo fundo de uma agulha do que o homem natural que depende das suas próprias qualidades para ser salvo (Lucas 18:25, “Porque é mais fácil entrar um camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar um rico no reino de Deus”). Os discípulos entenderem que Jesus estava dizendo que era impossível para o homem ser salvo nestas condições. Perguntaram então a Jesus: Logo quem pode salvar-se?

A resposta de Jesus à pergunta dos seus discípulos dá esperança a todos que querem ministrar as verdades da salvação por Jesus aos outros. Jesus respondeu-lhes: “As coisas que são impossíveis aos homens são possíveis a Deus”. Essa afirmação revela várias verdades. Revela o fato que Deus pode iluminar a mente entenebrecida e Deus pode abrir os ouvidos deste coração, mudando-o. Se Deus mudasse o coração do pecador para ser bom, sua vontade desejaria atender a chamada do Evangelho. Resumindo, mesmo que o homem natural não pode reagir positivamente ao Evangelho (“as coisas que são impossíveis ao homem”), Deus pode soberanamente abrir o seu coração para poder responder positivamente ao Evangelho (“são possíveis a Deus”). Essa verdade da graça de Deus Jesus ensinou também em outras ocasiões (Mateus 11:25 ao 27; 13:10 ao 16; Lucas 8:10; João 6:44 e 65). Essa verdade ecoava nos ensinos do apostolo Paulo também (1 Coríntios 12:03).

Um belo exemplo da graça soberana de Deus sendo a causa da salvação é manifestada na conversão de Lídia (Atos 16:12 ao 15, v. 14, “E uma certa mulher, chamada Lídia, vendedora de púrpura, da cidade de Tiatira, e que servia a Deus, nos ouvia, e o Senhor lhe abriu o coração para que estivesse atenta ao que Paulo dizia”). Lídia era uma religiosa praticando orações como outras mulheres junto à beira do rio, quando ouvia o que Paulo e Silas pregava. Mesmo sendo impossível para essa mulher se salvar, ela foi salva. A causa dessa salvação foi Deus, pois a Bíblia diz: “O Senhor lhe abriu o coração para que estivesse atenta ao que Paulo dizia” (v. 14). Por Deus antes mudar o coração dela é manifestado claramente que ela ficou atenta à Palavra de Deus apresentada por Paulo. A causa não foi por Paulo ser charmoso ou por ele fazer uma mensagem agradável que a fez ficar atenta à Palavra. A Bíblia diz que ela ficou atenta à Palavra do Evangelho por Deus abrir o seu coração. Graças a Deus que aquilo que é impossível ao homem, é possível a Deus.

Várias profecias no Velho Testamento ensinam que somente depois de Deus mudar os corações podem estes andar em temor (Jeremias 32:38 ao 40), vir a Ele (Jeremias 24:07) obedecer aos Seus estatutos, guardar os Seus juízos, e os observar (Ezequiel 36:26 e 27). Verdadeiramente, o que é impossível ao homem é possível a Deus. Melhor ainda, Ele faz tal obra ainda hoje!

Os Instrumentos de Evangelismo Bíblico
Porém, a obra da salvação é pela graça de Deus para com o homem pecador mas isto não quer dizer que não há responsabilidade para o homem neste assunto de evangelismo bíblico. Nessa obra de evangelismo, que está muito perto do coração de Deus e forma o alicerce do propósito das igrejas neotestamentárias existirem, Deus usa instrumentos tanto divinos e humanos.

O primeiro instrumento que Deus usa no evangelismo é divino, ou seja, a Sua Palavra (Tiago 1:18, “Segundo a sua vontade, ele nos gerou pela palavra da verdade, para que fôssemos como primícias das suas criaturas”). Tiago ensina que Deus regenera os Seus segundo “A Sua vontade”. Essa soberana vontade na regeneração não atua sozinha. Na regeneração Deus usa “a Palavra da Verdade”. O evangelho da nossa salvação é “a Palavra da Verdade” e este tem que agir primeiro (Efésios 1:13, “Em quem também vós estais, depois que ouvistes a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação; e, tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa”). O processo da regeneração pelo qual o pecador tem que passar para ser uma nova criatura é pela palavra de Deus, a Semente Incorruptível (1 Pedro 1:23 ao 25). Esta é a Palavra que os pecadores no tempo do Novo Testamento ouviram e qual Deus usou para salvá-los. O homem pecador hoje não melhorou mas é tão incapaz na sua mente, no seu coração, e na sua vontade quanto os do tempo do Novo Testamento,. Portanto, se vamos evangelizar da maneira que Deus abençoa, não podemos deixar de pregar toda a Palavra do Senhor. Convém que a Palavra da Verdade que Deus manda que seja pregada a toda criatura (Marcos 16:15) seja declarada, anunciada, proclamada, testemunhada e de toda maneira comunicada pois sem a pregação dEla não há evangelismo. Não é pela sabedoria que o mundo conhece a Deus, mas Deus na Sua sabedoria decretou a salvar os crentes pela loucura da pregação e, essa pregação não visa a ética, o moral, a auto-estima, nem as boas maneiras mas somente a Palavra de Deus (1 Coríntios 1:17 ao 24, “Porque Cristo enviou-me, não para batizar, mas para evangelizar; não em sabedoria de palavras, para que a cruz de Cristo se não faça vã. Porque a palavra da cruz é loucura para os que perecem; mas para nós, que somos salvos, é o poder de Deus. Porque está escrito: Destruirei a sabedoria dos sábios, E aniquilarei a inteligência dos inteligentes. Onde está o sábio? Onde está o escriba? Onde está o inquiridor deste século? Porventura não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo? Visto como na sabedoria de Deus o mundo não conheceu a Deus pela sua sabedoria, aprouve a Deus salvar os crentes pela loucura da pregação. Porque os judeus pedem sinal, e os gregos buscam sabedoria; Mas nós pregamos a Cristo crucificado, que é escândalo para os judeus, e loucura para os gregos. Mas para os que são chamados, tanto judeus como gregos, lhes pregamos a Cristo, poder de Deus, e sabedoria de Deus”).

O segundo instrumento que Deus usa no evangelismo é humano, ou seja, o mensageiro. Se não há quem pregue, como ouvirão? Se não ouvirem como crerão? Se não crerem como invocarão? E se não invoquem pela fé o Senhor, como serão salvos? (Romanos 10:12 ao 14, “Porquanto não há diferença entre judeu e grego; porque um mesmo é o Senhor de todos, rico para com todos os que o invocam. Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram? e como ouvirão, se não há quem pregue?”).

Deus roga aos pecadores que se reconciliem com Ele em Jesus Cristo. (2 Coríntios 5:18 ao 21, “E tudo isto provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo, e nos deu o ministério da reconciliação; Isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não lhes imputando os seus pecados; e pôs em nós a palavra da reconciliação. De sorte que somos embaixadores da parte de Cristo, como se Deus por nós rogasse. Rogamo-vos, pois, da parte de Cristo, que vos reconcilieis com Deus. Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus”). Ele roga não pelos anjos nem pela própria criação animal ou orgânica que testemunha fielmente de Deus mas “nos deu o ministério da reconciliação”. Deus em Cristo reconcilia consigo o mundo. Todavia, é o agrado de Deus e nosso grande privilegio que Ele “pôs em nós a palavra da reconciliação”. Mesmo que o mensageiro não se vê apto para transmitir tão grande Palavra da salvação e mesmo que somos instrumentos falhos e pecaminosos, “somos embaixadores da parte de Cristo, como se Deus por nós rogasse”.

O problema diante do evangelista é o homem pecador que ele quer evangelizar. Ele é morto em ofensas e pecados. É compreensível que o evangelista deseja ver fruto nos seus esforços de evangelismo. Todavia, ele não deve se esquecer que o bendito fruto desejado só é produzido através da mensagem verdadeira, ou seja, a Palavra da Verdade. Quando as personalidades charmosas são enfatizadas, ou a oratória convincente é exigida, ou os métodos pragmáticos são empregados deixamos de fazer a bendita obra de evangelismo corretamente.

O evangelismo Bíblico não consiste em convencer o pecador de ressuscitar a si mesmo através da repetição de uma oração, ou determinação de fazer uma decisão por Cristo. O evangelismo bíblico consiste na dependência da obra divina pela pregação da Palavra da Verdade.

Quatro qualificações para ser um evangelista Bíblico
“E eu, irmãos, quando fui ter convosco, anunciando-vos o testemunho de Deus, não fui com sublimidade de palavras ou de sabedoria. Porque nada me propus saber entre vós, senão a Jesus Cristo, e este crucificado. E eu estive convosco em fraqueza, e em temor, e em grande tremor. A minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder; Para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, mas no poder de Deus”.
1 Coríntios 2:01 ao 05

Primeiramente, o evangelista Bíblico não deve confiar na sua própria eloqüência ou sabedoria. O apostolo Paulo evangelizando em Coríntios não veio “com sublimidade de palavras ou de sabedoria”. A nossa eloqüência não iguala ao poder de Deus nem a nossa sabedoria aumenta a beleza do evangelho de Cristo (João 1:14, “E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade”). Limitando-nos a anunciar o testemunho de Deus, ou seja, o Evangelho, fazemos evangelismo Bíblico (1 Coríntios 2:01).

Em segundo lugar, o evangelista Bíblico deve confiar inteiramente no poder da mensagem do evangelho. O apóstolo Paulo ativamente procurava sinceramente a não saber nada além de Jesus Cristo, e “este crucificado”. Ele não buscava usar filosofias, oratórias, manipulações emocionais, música suave como pano de fundo da sua mensagem e nem amostras dramáticas. Pela sua formação religiosa, tudo disso foi disponível para empregar na sua apresentação do Evangelho, mas ele soube que a salvação dos perdidos não dependia na sua produção empolgante mas na pregação de Jesus Cristo, e este crucificado. Tanto o homem pecador não mudou quanto o poder da Palavra da Verdade. Por isso o evangelista Bíblico de hoje tem que limitar-se a mesma pregação neotestamentária (1 Coríntios 2:02).

Em terceiro lugar, o evangelista Bíblico deve reconhecer a sua própria incapacidade. O apóstolo Paulo faz relembrar o povo da igreja em Corinto que: “estive convosco em fraqueza, e em temor, e em grande tremor”. Na sua segunda carta à mesma igreja ele reconhece que a sua capacidade não veio de si mesmo, mas de Deus (2 Coríntios 3:05, “Não que sejamos capazes, por nós, de pensar alguma coisa, como de nós mesmos; mas a nossa capacidade vem de Deus”). Ele entendia que o Evangelho era “o bom perfume de Cristo, nos que se salvam e no que se perdem”, ou seja, que o Evangelho era o instrumento divino na salvação de qualquer perdido, e ele não sentiu em si mesmo como idôneo para ser o instrumento para entregar tal Palavra. Quanto mais confiança em si mesmo tem o evangelista, mais ele erra o alvo de ser um evangelista Bíblico (1 Coríntios 2:03).

Em quarto lugar, o evangelista Bíblico deve confiar somente no poder do Espírito Santo. O apóstolo Paulo nos ensina que a sua palavra aos Coríntios não consistia em palavras persuasivas de sabedoria humana, “mas em demonstração de espírito e de poder”. A esperança do apóstolo Paulo não estava no que ele mesmo podia fazer, ou no que ele podia expressar com sabedoria de palavras (1 Coríntios 1:17, “Porque Cristo enviou-me, não para batizar, mas para evangelizar; não em sabedoria de palavras, para que a cruz de Cristo se não faça vã”.). Sua esperança estava no poder do Espírito Santo. Quando a Palavra está pregada o Espírito Santo convence o pecador do pecado, e da justiça e do juízo operando aquilo que Deus enviou a Palavra a fazer (João 16:08; Isaías 55:11). Será que existe uma mensagem melhor do que a Palavra da Verdade? Será que existe um poder regenerador melhor do que o Espírito Santo? O evangelista Bíblico não procura algo além (1 Coríntios 2:04).

O resultado do evangelismo Bíblico exercitado pelo evangelista Bíblico terá como fruto os pecadores pondo a sua fé no poder de Deus (1 Coríntios 2:05). O evangelismo Bíblico trará maior glória a Deus do que a melhor invenção de qualquer bem-intencionado. Se tivermos a sincera intenção de glorificar a Deus na melhor maneira possível limitar-nos-emos a imitar o Salvador e os homens de Deus como o relatório inspirado nos apresenta. Este é o evangelismo Bíblico. Você é um evangelista bíblico? Já rendeu-se ao Evangelho? O Evangelho é Cristo! O homem é um pecador sem jeito diante de Deus. Deus deu Jesus Cristo Seu filho para ser o Substituto único no lugar dos injustos. A mensagem é: Arrependei-vos e creia pela fé em Cristo Jesus. Já é salvo? Manifesta-se pelo batismo e pela obediência à Palavra de Deus na igreja.

Exemplos bíblico de Evangelismos:

João o Batista
“E, naqueles dias, apareceu João o Batista pregando no deserto da Judéia, E dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus. Porque este é o anunciado pelo profeta Isaías, que disse: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, Endireitai as suas veredas”.
Mateus 3:01 ao 03

“No dia seguinte João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”; 36, “E, vendo passar a Jesus, disse: Eis aqui o Cordeiro de Deus”.
João 1:29

André
“Este achou primeiro a seu irmão Simão, e disse-lhe: Achamos o Messias (que, traduzido, é o Cristo). E levou-o a Jesus. E, olhando Jesus para ele, disse: Tu és Simão, filho de Jonas; tu serás chamado Cefas (que quer dizer Pedro)”.
João 1:41 e 42

Felipe
“Filipe achou Natanael, e disse-lhe: Havemos achado aquele de quem Moisés escreveu na lei, e os profetas: Jesus de Nazaré, filho de José”.
João 1:45

“Então Filipe, abrindo a sua boca, e começando nesta Escritura, lhe anunciou a Jesus”.
Atos 8:35

Paulo
“Testificando, tanto aos judeus como aos gregos, a conversão a Deus, e a fé em nosso Senhor Jesus Cristo”; 24, “Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira, e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus”.
Atos 20:21

Pedro
“E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações”.
2 Pedro 1:19

Judas
“Amados, procurando eu escrever-vos com toda a diligência acerca da salvação comum, tive por necessidade escrever-vos, e exortar-vos a batalhar pela fé que uma vez foi dada aos santos’”.
Judas 1:03


Fonte: Palavra Prudente (clique AQUI), em um artigo de Calvin Gardner. Acesse este e outros artigos do autor, clicando AQUI!

------------------------------------------------

Fogo para Missões
IR +
INVESTIR +
INTERCEDER +

"Eu, Tércio, que esta carta escrevi, vos saúdo no Senhor."
Romanos 16:22



Esta é a quinta publicação da Série Cartas Missionárias, um presente do Senhor para todos nós. Leia, ore e reflita sobre o seu envolvimento pessoal com a Obra Missionária. Ao total serão DEZ cartas, das centenas de cartas de missionários ligados à organização JMM Missões Mundiais, que estão e serão publicadas aqui no BlogFpM.

Ore por eles, mobilize-se por eles, oferte em suas vidas, vá por eles.

Nosso desejo continua sendo, sim, o de incentivar, encorajar e provocar você à se envolver real e pessoalmente com missões. Esta carta, em sua publicação original, você encontra neste link aqui, e ainda pode ler dezenas de outras cartas, de outros missionários espalhados pelo mundo.

------------------------------------------------------------------

Brasil - Março de 2017.

"Os que semeiam em lágrimas segarão com alegria. Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos."
Salmos 126:05 e 06

Amados irmãos, 

Vocês têm estado comigo desde o começo de meu ministério na JMM e muitos até bem antes disso! Desde que o Senhor me levou pela segunda vez ao Oriente Médio, muita coisa aconteceu. Sabemos que Deus está no controle de todas as coisas, porém, no campo eu vi muitas coisas que jamais pude ou possa compartilhar! Forma muitas as lágrimas derramadas pelo povo, pela opressão religiosa, pelos falsos irmãos que nos afligem, pela saudade da família e tantas outras coisas!

Os missionários precisam ser resistentes diante dos embates e ataques espirituais que sofrem no campo, no entanto, irmãos, por todos estes anos eu deixei de compartilhar, também, uma grande bênção e vitória. Por força de algumas circunstâncias e com lágrimas nos olhos, quero compartilhar que, quando estava no campo eu ganhei uma pessoa para Jesus! Eu poderia ter compartilhado essa notícia antes, como uma grande vitória ministerial, mas acontece que não vi assim: em primeiro lugar, porque a glória é só de Jesus e, em segundo lugar, porque eu temia compartilhar antes de ter certeza que a pessoa estava mesmo firmada na fé.

Também por questões de segurança decidi não compartilhar, pois temia pela exposição dessa pessoa nas igrejas e não queria torná-la um "troféu". Poucas pessoas souberam, pois fiz contato apenas com missionários no campo pedindo para me ajudarem enquanto eu estava aqui monitorando tudo. Acontece que, recentemente, a pessoa começou a ser vigiada. O tio dela é um líder islâmico no bairro onde mora e alguém falou para seu irmão mais velho que ela estava frequentando aos cultos e agora, essa pessoa corre perigo de morte!

É com as ofertas que recebo dos irmãos que ajudo esta pessoa no campo todos estes anos. Não quero que isso soe como manipulação, pois Deus sabe que não faria isso, contudo, quem me conhece sabe que estou sempre sorrindo, independentemente das circunstâncias. Mesmo sorrindo para vocês, confesso que tenho estado consumida em tristeza! A pessoa que ganhei para Cristo lê a Bíblia que dei pra ela, vai aos cultos e ora comigo pelo WhatsApp, mas não sei mais o que fazer para ajudá-la e cheguei ao meu limite! Como ela está correndo risco, resolvi abrir meu coração e implorar que clamem por esta situação!

Irmãos, só estou pedindo que orem! Temos uma pessoa da cultura árabe convertida ao Senhor Jesus, fruto do tempo que morei no Oriente Médio e estou dando assistência a ela, mas agora preciso contar com a participação de vocês nesse desafio comigo! Só posso compartilhar até aqui e peço que sejam cautelosos com esta informação, por favor!

Agradeço o carinho e apoio de vocês por todos estes anos! Que nosso bondoso Jesus os recompense grandemente! O investimento de vocês em minha vida gerou frutos e hoje temos mais uma pessoa da cultura árabe que pertence a família da fé! Deus seja louvado por isso!

Sua missionária,

Samia Dias.

------------------------------------------------------------------

"Não deixe que missões seja um campo em que você não trabalha, anuncie as Boas Novas de Jesus Cristo onde você estiver, cumpra a sua missão!"
Edinelson Lopes

Fogo para Missões
IR +
INVESTIR +
INTERCEDER +
"Ora, Deus, que também ressuscitou o Senhor, nos ressuscitará a nós pelo seu poder."
1 Coríntios 6:14


Saiba mais sobre o sacrifício de Jesus neste link... COMO POSSO RECEBER O PERDÃO DE DEUS!

Sobre as profecias sobre Jesus, leia este link... PROFECIAS JESUS É O MESSIAS!

"Sepultados com ele no batismo, nele também ressuscitastes pela fé no poder de Deus, que o ressuscitou dentre os mortos."
Colossenses 2:12

"E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus;"
Efésios 2:06

"Não está aqui, mas ressuscitou. Lembrai-vos como vos falou, estando ainda na Galiléia..."
Lucas 24:06

"Pois, assim como o Pai ressuscita os mortos, e os vivifica, assim também o Filho vivifica aqueles que quer."
João 5:21

"Ele não está aqui, porque já ressuscitou, como havia dito. Vinde, vede o lugar onde o Senhor jazia."
Mateus 28:06

"E, se Cristo não ressuscitou, logo é vã a nossa pregação, e também é vã a vossa fé."
1 Coríntios 15:14

"Mas de fato Cristo ressuscitou dentre os mortos, e foi feito as primícias dos que dormem."
1 Coríntios 15:20

"A multidão, pois, que estava com ele quando Lázaro foi chamado da sepultura, testificava que ele o ressuscitara dentre os mortos."
João 12:17

"E matá-lo-ão, e ao terceiro dia ressuscitará. E eles se entristeceram muito."
Mateus 17:23

"A este ressuscitou Deus ao terceiro dia, e fez que se manifestasse..."
Atos 10:40

"Sabendo que o que ressuscitou o Senhor Jesus nos ressuscitará também por Jesus, e nos apresentará convosco."
2 Coríntios 4:14

"Que manifestou em Cristo, ressuscitando-o dentre os mortos, e pondo-o à sua direita nos céus..."
Efésios 1:20

"E esperar dos céus o seu Filho, a quem ressuscitou dentre os mortos, a saber, Jesus, que nos livra da ira futura."
1 Tessalonicenses 1:10

"Ide pois, imediatamente, e dizei aos seus discípulos que já ressuscitou dentre os mortos. E eis que ele vai adiante de vós para a Galiléia; ali o vereis. Eis que eu vo-lo tenho dito."
Mateus 28:07

"Ora, Deus, que também ressuscitou o Senhor, nos ressuscitará a nós pelo seu poder."
1 Coríntios 6:14

"E, havendo-o açoitado, o matarão; e ao terceiro dia ressuscitará."
Lucas 18:33



------------------------------------------------

Fogo para Missões
IR +
INVESTIR +
INTERCEDER +

"Bendito seja o SENHOR, minha rocha, que ensina as minhas mãos para a peleja e os meus dedos para a guerra; Benignidade minha e fortaleza minha; alto retiro meu e meu libertador és tu; escudo meu, em quem eu confio, e que me sujeita o meu povo. Senhor, que é o homem, para que o conheças, e o filho do homem, para que o estimes? O homem é semelhante à vaidade; os seus dias são como a sombra que passa. Abaixa, ó Senhor, os teus céus, e desce; toca os montes, e fumegarão. Vibra os teus raios e dissipa-os; envia as tuas flechas, e desbarata-os."
Salmos 144:01 ao 06




Diante dos últimos acontecimentos envolvendo a Síria, decidimos trazer, nesta publicação, informações importantes sobre a Síria e nossos irmãos em Cristo, que sofrem à pelo menos 6 anos, diante de ataques violentos, cruéis e covardes, se você fizer uma breve pesquisa por imagens no Google, verá cenas tão fortes que provavelmente você não vai querer ver.

São imagens que não colocamos nos slides de nossas igreja, mas que nossos irmãos e irmãs sírios não conseguem apagar de suas memórias, pois não são imagens, são suas vidas! Leia este artigo e:

• Ore pela Síria!
• Informe-se sobre a Igreja Perseguida, (Portas Abertas pode ajudar).
• Pense no uso que você tem feito de sua liberdade.
• Anuncie as Boas Novas de Jesus Cristo!

Ataque químico na Síria pode ter atingido região cristã
A cidade de Homs que também foi atingida através do ataque químico na Síria, na última noite, já tinha algumas áreas livres do Estado Islâmico e os cristãos já estavam repovoando alguns bairros e reabrindo igrejas

O primeiro ataque bélico dos Estados Unidos, com mais de 50 mísseis, contra a conhecida Base Militar Al Shayrat, em Khan Seikhoun, nessa quinta-feira, foi uma retaliação pelo ataque químico na Síria contra civis, no início da semana, onde mais de 80 pessoas morreram, entre elas várias crianças.

Lembramos que a região atingida pelo ataque químico já tinha algumas áreas livres do Estado Islâmico e os cristãos já estavam repovoando alguns bairros e reabrindo igrejas. Leia mais na “Estamos voltando”.

Infelizmente, esse cenário pode mudar o rumo da história mais uma vez, pois quanto mais conflitos e instabilidade, mais os extremistas reforçam sua presença no país. 

Ore por essa nação, pelos cristãos perseguidos que vivem nessa região e pelos governantes envolvidos.

Como vivem os cristãos na Síria
Não acho justo partir e deixar esse lugar numa situação tão precária; eu tenho a convicção de que a cidade será ainda melhor do que era se os cristãos permanecerem aqui para lutar

Ao contrário do que muitos podem pensar, os cristãos sírios não lamentam a situação de guerra e nem pensam em abandonar o país por conta dos ataques violentos do Estado Islâmico. Na verdade, eles pensam em lutar para reconstruir tudo o que foi perdido. Muitos templos foram destruídos, mas a igreja de Cristo permanece em pé por lá. A guerra, que começou em 2011, ainda não terminou, e mesmo em meio a tantas dificuldades, há quem pregue o evangelho aos sírios.

Não acho justo partir e deixar esse lugar numa situação tão precária. Eu tenho a convicção de que a cidade será ainda melhor do que era se os cristãos permanecerem aqui para lutar. Não dá para imaginar nossa terra sem uma igreja”, disse Sarah* uma jovem de apenas 21 anos que enfrenta a perseguição religiosa na cidade de Aleppo.

A nação está na 6ª posição da atual Lista Mundial da Perseguição, onde há muitos ataques dirigidos a todos aqueles que se decidem por Cristo. Restaurantes cristãos já foram alvo de ataques coordenados, várias pessoas foram mortas e muitos ficaram feridos. Há muitas explosões que atingem bairros inteiros, danificam comércios e assustam os moradores. Os ataques acontecem de repente e, muitos, são causados por homens e mulheres suicidas.

Não há previsão de uma vida estável, segura ou pacífica para os cristãos sírios, principalmente para aqueles que vivem na linha de frente ou em áreas mantidas pelos rebeldes. Mas em meio a tanta violência e perseguição há vislumbres de esperança. Embora muitos tenham deixado o país para proteger suas famílias, alguns vivem deslocados, mas comprometidos em servir a Deus enquanto a guerra acontece. É incrível, mas foi relatado um crescimento no número de pessoas que se converteram a Cristo, mesmo passando por momentos tão difíceis.

Não podemos ficar de braços cruzados enquanto milhares de pessoas têm de enfrentar as consequências da violência e da perseguição. Assine a petição Um milhão de vozes de esperança e ajude a reivindicar aos nossos irmãos sírios e iraquianos o direito à igualdade, dignas condições de vida e um papel relevante na reconstrução da sociedade. Junte-se a nós e envolva-se com a Igreja Perseguida. Você pode adicionar sua voz e fazer a diferença?

O que a igreja no mundo pode fazer pelos cristãos na Síria?
Não orem por nós, orem conosco, pois é isso o que nos dá força; orem pela paz em nosso país e orem com muita fé, pois temos esperança de que tudo vai melhorar

Atualmente, a Igreja em Aleppo, na Síria, enfrenta muitos desafios. “Há cada vez menos cristãos por aqui, muitos foram embora para proteger suas famílias. A igreja está menor”, disse Sarah* que tem apensas 21 anos e já enfrenta a perseguição religiosa. Ao ser questionada sobre o motivo que a mantém na cidade, sendo tão jovem e com muitas possibilidades de um futuro melhor em outro país, ela responde: “Eu amo viver em Aleppo, nasci aqui e sei que devo permanecer aqui. Esse lugar será melhor um dia e eu quero fazer parte dessa reconstrução”, disse.

Segundo a jovem “Aleppo era a cidade mais linda do mundo” e ela quer reconstruir essa beleza. “Não acho justo partir e deixar esse lugar numa situação tão precária. Eu tenho a convicção de que a cidade será ainda melhor do que era se os cristãos permanecerem aqui para lutar. Não dá para imaginar nossa terra sem uma igreja”, afirma.

Um dos colaboradores da Portas Abertas fez a seguinte pergunta à jovem: “O que a igreja no mundo pode fazer pelos cristãos na Síria?”. Ela claramente responde: “Não orem por nós, orem conosco, pois é isso o que nos dá força. Orem pela paz em nosso país e orem com muita fé, pois temos esperança de que tudo vai melhorar”, explica e finaliza: “Um dia, eu estava com tanto medo, que fui à igreja orar, pois eu não entendia mais nada. Perguntei a Deus ‘por quê?’ e então ele respondeu: ‘Tudo ficará bem, confie em mim’ e então eu senti muita paz em meu coração. Eu sei que Deus não vai falhar”, conclui.

Estamos voltando
Algumas regiões da cidade de Homs já estão livres do perigo e da presença de militantes rebeldes; vários cristãos já retornam às suas casas

Certo dia, um cristão escreveu uma mensagem em uma parede, na cidade de Homs, e pouco tempo depois teve que fugir para um lugar mais seguro. Homs é uma cidade a Oeste da Síria. Há vários anos, assim que o país entrou em guerra, muitas cidades foram tomadas por grupos rebeldes. Houve destruição, mortes e tragédias. A vida se tornou praticamente impossível em certas regiões.


E a mensagem do cristão, mesmo desgastada, ficou ali na parede. Em destaque a parte que diz: “Homs, aqui está a minha terra, aqui estão as minhas raízes, aqui está a minha língua”. Nota-se que ele escreveu sua própria versão de um poema sírio da autoria de Nizar Kabani como um sinal de esperança e fé. A última frase quase aniquilada pelo tempo, ainda em marrom, diz: “Estamos voltando”.

E realmente, aos poucos os cristãos estão voltando para repovoar Homs, depois de tantos conflitos. Há lugares que já estão livres de militantes, onde a vida está voltando ao normal. As escolas abrem suas portas para as crianças, muitas lojas e comércios já estão funcionando e pouco a pouco os trabalhadores voltam para suas antigas atividades. Há grandes expectativas por parte dos cristãos em reabrir as igrejas e voltar aos trabalhos evangelísticos.

Ore pela igreja na Síria
A situação é ameaçadora, mas os cristãos permanecem firmes em seus propósitos; para que continuem firmes na fé, eles precisam das nossas orações

O governo sírio tem se mostrado disposto a recuperar todas as regiões que foram tomadas pelos extremistas islâmicos, nos últimos anos, e pretende restaurar a segurança no país. O exército sírio confirmou que aceita o cessar-fogo, mas declarou que vai "usar todos os tipos de munição contra qualquer violação" por parte dos rebeldes. Esse clima é positivo para todos os sírios, em especial os cristãos.

Mas, existem também algumas consequências a serem enfrentadas. A Analista Internacional de Liberdade Religiosa e também advogada, Elizabeth Kendal, disse o seguinte em seu blog: "Uma coalizão jihadista levou o grupo Al-Qaeda a lançar uma campanha para capturar o Oeste de Alepo, que está em poder do governo, onde vivem mais de 1 milhão pessoas, incluindo cerca de 40 mil cristãos".

Além disso, a situação humanitária está se deteriorando a cada dia. A eletricidade é limitada e a principal fonte de abastecimento de água foi cortada. Alimentos, combustível e medicamentos são escassos. Mesmo assim, as igrejas em Alepo continuam a atender milhares de famílias que estão deslocadas, tanto cristãs quanto muçulmanas, fornecendo inclusive refeições diárias por toda a cidade.

A situação é ameaçadora, mas a igreja permanece firme em seus propósitos. Para que continuem firmes na fé, os cristãos sírios perseguidos precisam das nossas orações. Interceda por eles.


Pedidos de oração
• Ore por todos aqueles que estão retornando às suas casas, em Homs.
• Peça ao Senhor para protegê-los e curá-los dos traumas causados pela guerra.
• Peça ao Espírito Santo para orientá-los em tudo.
• Ore pela igreja na Síria e pelos cristãos perseguidos.
• Ore também pelos perseguidores, que se convertam e se arrependam de seus maus caminhos.

*Alguns nomes alterados por motivos de segurança.

------------------------------------------------------------------
Links para estas publicações e para mais informações sobre a Igreja Perseguida na Síria e Oriente Médio, no site do Portas Abertas:

Ataque químico na Síria pode ter atingido região cristã
Como vivem os cristãos na Síria
O que a igreja no mundo pode fazer pelos cristãos na Síria?
Estamos voltando
Ore pela igreja na Síria
------------------------------------------------------------------

Fogo para Missões
IR +
INVESTIR +
INTERCEDER +
"Eu, Tércio, que esta carta escrevi, vos saúdo no Senhor."
Romanos 16:22



Em mais esta publicação da Série Cartas Missionárias, que tem sido um presente do Senhor para todos nós, trazemos a quarta carta para que você possa ler, orar e refletir sobre o seu envolvimento pessoal com a Obra Missionária. Ao total serão DEZ cartas, das centenas de cartas de missionários ligados à organização JMM Missões Mundiais, que estão e serão publicadas aqui no BlogFpM.

Estas cartas trazem mais do que pedidos, mas uma oportunidade rica de VOCÊ entender a realidade de irmãos missionários, compartilhar suas experiências, emoções, angústias e alegrias no Senhor. Esperamos mesmo que estas cartas venha despertar nossos olhares para uma REALIDADE PRATICAMENTE ESQUECIDA das ditas "igrejas evangélicas" no Brasil: MISSÕES.

Nosso desejo continua sendo, sim, o de incentivar, encorajar e provocar você à se envolver real e pessoalmente com missões. Esta carta, em sua publicação original, você encontra neste link aqui, e ainda pode ler dezenas de outras cartas, de outros missionários espalhados pelo mundo.

 Ore por eles, mobilize-se por eles, oferte em suas vidas, vá por eles. 

------------------------------------------------------------------

Haiti – Março de 2017.

“... e calçando os pés com a preparação do evangelho da paz...”
Efésios 6:15

Amado irmão, 

É com grande alegria que compartilhamos alguns momentos que vivenciamos no campo missionário. Iniciamos o mês de fevereiro com festa, pois no dia 01, Viviane Faria, uma das componentes de nossa equipe Radical comemorou o seu aniversário.

No início do mês passado nós visitamos a capital do Sul do país, Les Cayes, e o casal missionário, pr. Daniel e Ester Registre, que nos receberam em sua casa. Tivemos a oportunidade de cultuar ao Senhor com nossos irmãos haitianos na igreja pastoreada pelo pr. Ezequiel e o missionário radical, Paulo Ricardo, foi incumbido de levar a mensagem no culto pela manhã (sendo sua primeira experiência de pregação transcultural), tendo o pastor Daniel como intérprete. Também, conhecemos a unidade do PEPE naquela região, que ainda se encontra sem telhado devido ao furacão que ocorreu em outubro do ano passado. 

Iniciamos nosso aprendizado da língua (crioulo haitiano) no dia 06 de fevereiro com o professor haitiano, Lody. Nossas aulas são pela manhã, de segunda à sexta, duas horas por dia. Para aperfeiçoamos o aprendizado, estamos indo ao orfanato Mango Tree duas vezes por semana com a missionária Verônica Bahia (que desenvolve apoio pedagógico com as crianças). Ali nós temos contato com as crianças e com as mães sociais. Também temos aula de ambientação e aculturação com o pr. André Bahia, nas quais ele nos ensina a história do Haiti, costumes do povo, nossa localização geográfica e economia local. Com essas aulas tivemos nossa primeira experiência com o taptap (transporte público).

No dia 11 de fevereiro nós comemoramos nossa estadia de um mês no Haiti e no dia 23 de fevereiro comemoramos mais um aniversário no campo. Desta vez nos alegramos pela vida da missionária Verônica Bahia, juntamente com os outros colegas missionários. 

Durante esse período, iniciamos um estudo mais aprofundado das Escrituras com a ajuda da missionária radical, Elen. Diariamente nós realizamos devocionais com a participação da família Bahia e no dia 04 de março, participamos do primeiro encontro de missionários brasileiros no Haiti desse ano. Conhecemos colegas missionários de outras denominações e tivemos a oportunidade de compartilhar experiências e aprendizados.

Por esses motivos, louvamos ao Senhor por tudo que Ele tem nos permitido vivenciar e aprender nesses dias. Agradecemos a Deus por sua vida e por seu compromisso de oração e contribuição.

Ore conosco: 
• Por nossa vida emocional;
• Por nossa saúde;
• Pelo aprendizado da língua;
• Por nossa adaptação à cultura;
• Pela saúde dos nossos familiares e amigos;
• Pela família Bahia;
• Pela unidade da equipe.

Sua missionária,

Calene Rodrigues Leitão.

------------------------------------------------------------------

"Não deixe que missões seja um campo em que você não trabalha, anuncie as Boas Novas de Jesus Cristo onde você estiver, cumpra a sua missão!"
Edinelson Lopes

Fogo para Missões
IR +
INVESTIR +
INTERCEDER +
"Saiamos, pois, a ele fora do arraial, levando a sua vergonha. Porque não temos aqui cidade permanente, mas buscamos a futura."
Hebreus 13:13 e 14


Este vídeo contem uma ilustração sobre uma canção chamada "All I have is Christ" do grupo Sovereign Grace. Letras e todas as informações sobre esta belíssima canção, você encontra neste link AQUI. Devemos sair, e como cantamos naquele velho louvor (291 da Harpa Cristã), devemos "a vergonha da cruz sempre levar e sofre", pois sabemos que muitos pedem sinais e provas, mas nós pregamos a Cristo, e este crucificado.

Que esta publicação, mais uma vez, possa te incentivar, encorajar ou mesmo provocar a se envolver pessoalmente com a Obra de Cristo, que você possa dizer para Ele o que cantamos nesta canção, que o Senhor possa usar sua vida resgatada segundo a vontade dEle.

Ainda, que esta publicação seja uma celebração ao Senhor pelas vidas de muitos cristãos que foram martirizados cumprindo a parte que lhes cabia nas aflições de Cristo, para que, de alguma forma, o nome de Jesus seja erguido em todos os cantos da Terra que Ele criou.

Que não ousemos ser indiferentes a isso! Para que Ele receba a glória da qual é digno, ou seja, toda a Glória.

------------------------------------------------------------------

Tudo o Que Tenho É Cristo

Eu estava perdido na noite mais escura
Mesmo assim achava que conhecia o caminho
O pecado que prometeu alegria e vida
Me levou à sepultura
Eu não tinha esperança de que você poderia
Desejar um rebelde para si
E se você não tivesse me amado primeiro
Eu teria ainda Te recusado

Mas enquanto eu prosseguia em minha corrida para o inferno
Indiferente ao custos disso
Você olhou para meu perdido estado
E me levou para a cruz
E contemplei o amor de Deus revelado
Você sofreu em meu lugar!
Você suportou a ira reservada para mim
Agora tudo que eu conheço é Graça!

Aleluia! Tudo o que tenho é Cristo
Aleluia! Jesus é a minha vida

Agora, Senhor, eu serei somente teu
E viverei para que todos vejam
Que a força para seguir seus mandamentos
Nunca poderiam vir de mim
Oh Pai, use a minha vida resgatada
Da maneira que o Senhor quiser
E que a minha canção diga sempre
"Que minha única glória é Você!"

Aleluia! Tudo o que tenho é Cristo
Aleluia! Jesus é a minha vida

"Mas nós pregamos a Cristo crucificado, que é escândalo para os judeus, e loucura para os gregos. Mas para os que são chamados, tanto judeus como gregos, lhes pregamos a Cristo, poder de Deus, e sabedoria de Deus."
1 Coríntios 1:23 e 24

"Então declararei o teu nome aos meus irmãos; louvar-te-ei no meio da congregação."
Salmos 22:22

"Vemos, porém, coroado de glória e de honra aquele Jesus que fora feito um pouco menor do que os anjos, por causa da paixão da morte, para que, pela graça de Deus, provasse a morte por todos. Porque convinha que aquele, para quem são todas as coisas, e mediante quem tudo existe, trazendo muitos filhos à glória, consagrasse pelas aflições o príncipe da salvação deles. Porque, assim o que santifica, como os que são santificados, são todos de um; por cuja causa não se envergonha de lhes chamar irmãos, Dizendo: Anunciarei o teu nome a meus irmãos,Cantar-te-ei louvores no meio da congregação."
Hebreus 2:09 ao 12



------------------------------------------------------------------

Fogo para Missões
IR +
INVESTIR +
INTERCEDER +
"Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros. Não sejais vagarosos no cuidado; sede fervorosos no espírito, servindo ao Senhor; Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração; Comunicai com os santos nas suas necessidades, segui a hospitalidade; Abençoai aos que vos perseguem, abençoai, e não amaldiçoeis. Alegrai-vos com os que se alegram; e chorai com os que choram;"
Romanos 12:10 ao 15



A Série Cartas Missionárias é mais um presente do Senhor. Após contato com a JMM Missões Mundiais, através da Erica, conseguimos a permissão para reproduzir DEZ cartas de missionários ligados à organização, que serão publicadas aqui no BlogFpM à partir de hoje.

Estas cartas trazem mais do que pedidos, mas uma oportunidade rica de VOCÊ entender a realidade de irmãos missionários, compartilhar suas experiências, emoções, angústias e alegrias no Senhor. Esperamos mesmo que estas cartas venha despertar nossos olhares para uma REALIDADE PRATICAMENTE ESQUECIDA das ditas "igrejas evangélicas" no Brasil: MISSÕES.

Nosso desejo continua sendo, sim, o de incentivar, encorajar e provocar você à se envolver real e pessoalmente com missões. Esta carta, em sua publicação original, você encontra neste link aqui, e ainda pode ler dezenas de outras cartas, de outros missionários espalhados pelo mundo.

 Ore por eles, mobilize-se por eles, oferte em suas vidas, vá por eles. 

------------------------------------------------------------------

Sudeste Asiático - Março de 2017.

Olá, querido parceiro de ministério!

Com a graça do Pai, nós estamos bem. Nossos projetos e nossa escolinha estão indo muito bem e podemos dizer que esse tem sido um tempo de fundamentação. Nosso desejo é que esta carta encontre o irmão com o mesmo sentimento de vitória, mesmo em meio à tormenta, certo de que o Maior de tudo e todos está batalhando ao nosso lado. 

Em nossa carta do mês passado, compartilhamos sobre os frutos colhidos nas atividades de Natal. Graças a Deus, muitas pessoas conheceram a Verdade durante o natal do ano passado (durante o natal temos liberdade de falar sobre Deus, sem perigo) e agora estamos investindo em discipulado para esses que se entregaram a Cristo.

Com relação às notícias deste mês, gostaríamos de falar especificamente sobre duas famílias que têm sido alcançadas através de um de nossos projetos, o VFC. A primeira família é composta de dois filhos, a mãe e a avó. Temos acompanhado essa família de perto. Um dos filhos é praticamente nosso filho também, pois ele já havia entregado sua vida a Cristo e juntos estávamos rogando pela salvação de sua mãe. Na noite de natal ela tomou sua decisão e iniciamos o discipulado, o que não tem sido fácil. Ela está vivendo muitas batalhas, pois a adoração aos ancestrais é algo muito forte na vida deles, o que se torna uma barreira. Às vezes sentimos que damos dois passos para frente e três para trás. Em uma semana ela quer estudar e se aprofundar mais, na outra ela reclama que o filho está muito diferente e muito interessado “por essas coisas”. Temos clamado a Deus, pedindo que Ele nos dê sabedoria e discernimento para lidar com essa situação. Gostaríamos que os irmãos segurassem nossas mãos nessa batalha, pois essa é uma família muito importante para nós. Os amamos muito e entendemos que Deus tem planos grandiosos para a vida deles no local onde eles moram.

A outra família é composta por dois filhos, o pai e a mãe, também muito querida nossa. Apenas o filho mais velho já se entregou a Cristo, mas seus pais estão cada dia mais próximos, inclusive já visitaram a igreja local e gostaram muito. Eles também estão enfrentando muitas batalhas, pois sentem muito medo de abandonar as práticas passadas. Temos orado muito por eles e um grande passo que já demos, com a permissão do pai dessa família, foi o batismo do filho mais velho, o que é uma grande vitória.

Além deles, nesse ano que se iniciou nós temos focado em mais três famílias desse projeto e em cinco famílias do projeto Kairos. Nosso objetivo é que, ao final desse ano, tenhamos uma igreja plantada onde temos o projeto esportivo VFC, mas contamos com a força de nossos mantenedores do Brasil através de suas ofertas e orações.

Queridos, Deus tem realizado o Seu mover nessas terras e isso tem nos feito regozijar Nele. Mais uma vez gostaríamos de expressar nossa gratidão pelo carinho de cada um de vocês. Muito obrigado por podermos contar com vocês segurando as nossas cordas aí do Brasil. Muito obrigado por não nos deixarem “sozinhos” nessa caminhada. Que o nosso Pai continue abençoando e guardando a vida e o ministério de cada um de vocês. 

É com um grande abraço que finalizamos nossa carta.

Orem conosco:
• Pelo centro de inglês;
• Pelo discipulado com as crianças e de seus familiares;
• Pelos líderes locais;
• Pela nossa escola de futebol;
• Pelas famílias que têm sido visitadas, semanalmente;
• Que Deus continue nos mostrando estratégias para chegarmos aos povos não alcançados.

De seus missionários,

Aaron e Paula Costa.

------------------------------------------------------------------

"Não deixe que missões seja um campo em que você não trabalha, anuncie as Boas Novas de Jesus Cristo onde você estiver, cumpra a sua missão!"
Edinelson Lopes

Fogo para Missões
IR +
INVESTIR +
INTERCEDER +