#60 - CELEBRANDO A VITÓRIA DO MESSIAS EM UM CULTO DOMÉSTICO DE PASCOA

"Mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém, como em toda a Judéia e Samária, e até os confins da terra."
Atos 1:08
























O texto abaixo é o Salmo de Davi, número 22, que retrata a aflição e glória do Messias. Hoje realizamos um culto doméstico, apenas eu e minha esposa, e meditamos sobre este Salmo, foi uma reflexão longa, onde passamos, guiados pelo Espírito, por diversos outros textos bíblicos, um deles foi II Reis 6:08 a 17, ao lermos o versículo 12 deste Salmo sobre a ilustração do cerco ao aflito, uma ilustração também da violenta investida do inferno contra o Santo.

Outra passagem pela qual refletimos foi a de Atos 1:08, o texto é a conhecida orientação do Messias sobre o derramar do Espírito Santo, o poder que capacitaria os discípulos para o cumprimento do conhecido "ide" de Mateus 28:19 e 20, e consequentemente também das palavras contidas no versículo 27 deste Salmo.

Após a leitura e reflexão do texto, oramos e louvamos ao SENHOR por ter ouvido ao aflito, respondido e dado a Ele grande vitória, adoramos ao SENHOR como nos convida o salmista nos versículos 23 e 24 também deste mesmo Salmo. Oramos pelo avanço da Igreja, que lembra e faz lembrado o SENHOR entre as nações da terra, Igreja que, mesmo perseguida como hoje tanto ouvimos falar no Sudão, serve ao SENHOR e proclama às gerações, a justiça de Deus que é Jesus, e faz conhecido aos ainda irão nascer que foi Ele quem fez estas coisas. Aleluias.

SALMOS 22
1. Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? Por que estás afastado de me auxiliar e das palavras do meu bramido?
2. Deus meu, a ti clamo de dia, porém não me respondes; Também de noite, porém não acho descanso.
3. Contudo tu és santo, Entronizado sobre os louvores de Israel.
4. Em ti confiaram nossos pais: Confiaram, e os livraste.
5. A ti clamaram, e foram salvos; Em ti confiaram, e não foram envergonhados.
6. Eu, porém, sou verme, e não homem, Opróbrio dos homens e desprezado do povo.
7. Todos os que me vêem, zombam de mim; Arreganham os beiços, meneiam a cabeça, dizendo:
8. Entrega-te a Jeová! que ele o livre; Que ele o salve, visto que nele tem prazer!
9. Tu, porém, és quem me tirou da madre; Fizeste-me confiar, estando eu aos peitos de minha mãe.
10. Sobre ti fui lançado desde a madre; Desde o ventre de minha mãe, tu és meu Deus.
11. Não te alongues de mim, porque perto está a tribulação, Porque não há quem acuda.
12. Muitos touros se acercaram de mim, Fortes touros de Basã me rodearam.
13. Abrem contra mim as suas bocas, Como um leão que despedaça e que ruge.
14. Como água estou derramado, E todos os meus ossos estão desconjuntados. O meu coração é como cera, Derrete-se no meio das minhas entranhas.
15. Está ressequido, como um caco, o meu vigor, E a minha língua se me apega às fauces, E pões-me no pó da morte.
16. Porquanto cães me cercaram; A assembléia de malfeitores me rodeou; Traspassaram-me as mãos e os pés.
17. Posso contar todos os meus ossos; Eles estão-me encarando e mirando.
18. Repartem entre si os meus vestidos, E deitam sortes sobre a minha vestidura.
19. Tu, porém, Jeová, não te afastes: Socorro meu, dá-te pressa em me ajudar.
20. Livra da espada a minha vida; Do poder do cão, a minha predileta.
21. Salva-me da boca do leão; Sim dos chifres dos bois bravios...tu me respondeste.
22. A meus irmãos declararei o teu nome, No meio da congregação te louvarei.
23. Vós que temeis a Jeová, louvai-o; Glorificai-o, vós todos, semente de Jacó; Reverenciai-o, vós todos, semente de Israel.
24. Pois ele não desprezou nem abominou a aflição do aflito, Nem dele escondeu o seu rosto; Mas quando lhe chamou por socorro, ouviu.
25. De ti vem o meu louvor na grande congregação; Cumprirei os meus votos na presença dos que o temem.
26. Os mansos comerão e se fartarão; Louvarão a Jeová os que o buscam: Viva o vosso coração para sempre.
27. Lembrar-se-ão e converter-se-ão a Jeová todos os confins da terra, Adorarão perante ti todas as famílias das nações.
28. Pois do SENHOR é o reino, E é ele quem domina sobre as nações.
29. Comerão e adorarão todos os opulentos da terra; Dobrarão os joelhos diante dele todos os que descem ao pó, Ainda o que não pode preservar a própria vida.
30. Servi-lo-á a posteridade, Falar-se-á do Senhor à geração vindoura.
31. Virão e declararão a justiça dele, A um povo que há de nascer anunciarão o que ele fez.

Muitos foram os textos pelos quais fomos levados pelo Espírito a lembrar e meditar neste culto doméstico, ilustrações que nos levaram a refletir sobre o peso do sacrifício imposto para nos resgatar de nossos próprios pecados, e não restam dúvidas de que nenhum outro voluntariamente se entregaria de tal forma por  seus inimigos. Ao contrário do que muitas vezes pensamos, não foi nada fácil assumir nosso lugar naquela cruz, não foi nada fácil para o Pai ver o Filho, ou ainda se agradar em moê-lo por amor a nós, pecadores, mas Ele o fez.

Nosso desejo é que nesta páscoa, e a partir dela, o SENHOR lhe faça transbordar de amor e alegria no Espírito por Sua vitória, pois como está escrito no versículo 28 deste Salmo e também em Mateus 6:13: "Pois do SENHOR é o Reino (...) o Poder e a Glória para sempre. Amém".

Fogo para Missões

3 comentários:

  1. Olá Amados,

    O blog está mto abençoado.

    Abraços
    Suely

    ResponderExcluir
  2. Olá Suely, glórias a Deus, por estarmos abençoado sua vida, este é nosso desejo: ser benção para os irmãos e para o Reino!

    Continue nos acompanhando, é um prazer tê-la conosco no BlogFpM.

    ResponderExcluir
  3. Olá amados!!!

    Que bom receber seu contato, seu comentário em meu blog.

    Gostei muitoooo

    Tem surpresa para mim? Nossa! Agora estou mto curiosa.

    Vou aguardar entao.

    Um grande Abraço
    Deus é contigo,

    Suely

    ResponderExcluir

Você está no BlogFpM, blog oficial do ministério Fogo para Missões.

Você pode também nos acompanhar no facebook.com/fogoparamissoes, onde você poderá curtir, seguir, reagir às publicações, compartilhar, comentar, pode até deixar aquele seu "amém", mas acima de tudo, queremos que você se sinta incentivado, encorajado e provocado a envolver-se pessoalmente na proclamação do Evangelho, das Boas Novas de Jesus Cristo.

Seu comentário é importante para que possamos avaliar o alcance de nossa proposta. Se você possui site, blog ou twitter, deixe seu link para que o visitemos também! Se desejar, nos acompanhe também pelo twitter.com/fogoparamissoes.

TODOS OS COMENTÁRIOS SERÃO PUBLICADOS APÓS MODERAÇÃO.